Editor Responsável: Luiz Augusto Erthal.

Redação e Comercial: Rua Santa Clara, 32, Ponta d'Areia, Niterói, RJ

CEP 24040-050 | (21) 2618-2972 | jornaltodapalavra@gmail.com

Os conceitos emitidos nas matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. As colaborações, eventuais ou regulares, são feitas em caráter voluntário e aceitas pelo jornal sem qualquer compromisso trabalhista. © 2016 Mídia Express Comunicação.

A equipe

Editor Executivo: Luiz Augusto Erthal. Editor Rio: Vanderlei Borges. Editor Niterói: José Messias Xavier. Editores Assistentes: Apio Gomes e Osvaldo Maneschy. Editor de Arte: Augusto Erthal. Financeiro: Márcia Queiroz Erthal. Circulação, Divulgação e logística: Ernesto Guadalupe.

Uma publicação de Mídia Express 
Comunicação e Comércio Ltda.
Rua Santa Clara, 32, Ponta d’Areia, Niterói, Est. do Rio,

Cep 24040-050. 
Tel.: (21) 2618-297

jornaltodapalavra@gmail.com

  • contact_email_red-128
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle

Literatura fluminense na Bienal

August 31, 2017

Livros das editoras de Niterói já preparados para serem oferecidos ao público da XVIII Bienal do Livro do Rio

 

Nesta quinta-feira (31) começa, no Riocentro, o maior evento do mercado editorial brasileiro. A XVIII Bienal do Livro do Rio de Janeiro, que se estende até o dia 10 de setembro, espera atrair um público de mais de 600 mil leitores ávidos pelos milhões de livros levados por centenas de editoras para a feira. A literatura fluminense terá sua casa montada no estande da Imprensa Oficial do Estado do Rio de Janeiro - Pavilhão Verde (Ruas M1/N2) - onde estarão abrigadas, junto com o projeto Mais Leitura, que oferece livros novos a partir de R$ 2,00, as editoras que formam o grupo Letras de Niterói - Nitpress, Eduff, Muiraquitã, Intertexto, Comunitá Italiana e Itapuca.

 

Com 96 eventos programados, o grupo fará, mais uma vez, a exemplo das últimas cinco edições da Bienal, o maior número de atividades da feira em um único estande. Serão lançamentos de livros, debates, palestras, contações de histórias para crianças, entre outras, onde a literatura fluminense terá um papel de destaque. Um dos momentos mais importantes da programação será a homenagem ao centenário da Academia Fluminense de Letras, no segundo sábado da Bienal, dia 9, às 15h.

 

A editora Nitpress, única do estado focada em história e literatura fluminense, realizará várias atividades, entre elas três lançamentos: Pedaço do Arco-ìris, de Mário Souza, dia 2/9, às 12h; Profeta Daniel de outros poemas, de Thomaz Viana, dia 8/9, às 17h; e História de Paixão sobre rodas - Moto Club de Campos, de Fábio Gomes, também no dia 8/9, às 18h.


Obras recentes da editora também estarão sendo relançadas com a presença dos autores, como Corrupção - como e por quê seu dinheiro sai pelo ladrão, de Luiz Alfredo Salomão e Fernando Guarnieri, dia 2/9, às 19h; Dando um jeito no jeitinho, organização de Karla Faria, dia 7/9, às  13h; Atlas Histórico e Geográfico do Rio de Janeiro, dia 8/9, às 13h; e Dois, de Phabricio Petragia, dia 9/9, às 17h. 
 

Estande da Imprensa Oficial/Mais Leitura, que vai abrigar mais uma vez o grupo Letras de Niterói na Bienal

Please reload

Leia também:
Please reload