Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Duplicação da Marquês de Paraná


O prefeito Rodrigo Neves assina nesta quarta-feira (22), às 11h, no Solar do Jambeiro, a ordem para o início das obras de alargamento da Avenida Marquês do Paraná, no Centro. O projeto vai melhorar o fluxo de veículos e a mobilidade na região, com a criação de mais duas pistas na via, além da ciclovia que ligará Icaraí ao Centro.

A obra será a primeira realizada com recursos obtidos através do modelo de outorga onerosa, que financiará ações do processo de requalificação do Centro. Serão utilizados R$11,8 milhões, dos R$14 milhões já pagos por investidores que tiveram seus projetos aprovados para a região central da cidade.

“O alargamento da Marquês do Paraná eliminará o gargalo na esquina com a Rua Doutor Celestino por causa do mergulhão Ângela Fernandes, projetado no governo anterior, que prejudica o trânsito no rush noturno. Com isso, milhares de trabalhadores ganharão mais tempo para o descanso depois da jornada diária de trabalho”, explica o secretário municipal de Urbanismo, Renato Barandier.

O secretário destaca ainda que, com a obra, Niterói ganhará uma nova avenida, totalmente urbanizada, com nova praça, calçadas, arborização e com a ciclovia que ligará o Centro a Icaraí, permitindo maior mobilidade aos ciclistas da cidade.

A Marquês do Paraná é um dos principais eixos para os veículos que seguem do Centro para a Zona Sul. No sentido Icaraí, a via ganhará mais duas faixas de rolamento, totalizando cinco pistas e ciclovia no trecho entre as ruas Doutor Celestino e Miguel de Frias. O projeto também inclui a reurbanização até a Avenida Amaral Peixoto, com calçadas dentro das normas de acessibilidade e uma nova praça sobre o mergulhão.

Já estão em curso as 51 desapropriações na área, necessárias para a obra. A primeira, um prédio com 15 apartamentos e salas comerciais, na esquina da Marquês do Paraná com Doutor Celestino, está em fase final de negociação e a expectativa é de que a demolição aconteça ainda este mês. A Procuradoria-geral do Município, que negocia as desapropriações, garante que não haverá demolições até que todos os moradores deixem os imóveis.


Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Editor Responsável: Luiz Augusto Erthal.

Redação e Comercial: Rua Santa Clara, 32, Ponta d'Areia, Niterói, RJ

CEP 24040-050 | (21) 2618-2972 | jornaltodapalavra@gmail.com

Os conceitos emitidos nas matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. As colaborações, eventuais ou regulares, são feitas em caráter voluntário e aceitas pelo jornal sem qualquer compromisso trabalhista. © 2016 Mídia Express Comunicação.

A equipe

Editor Executivo: Luiz Augusto Erthal. Editor Rio: Vanderlei Borges. Editor Niterói: José Messias Xavier. Editores Assistentes: Apio Gomes e Osvaldo Maneschy. Editor de Arte: Augusto Erthal. Financeiro: Márcia Queiroz Erthal. Circulação, Divulgação e logística: Ernesto Guadalupe.

Uma publicação de Mídia Express 
Comunicação e Comércio Ltda.
Rua Santa Clara, 32, Ponta d’Areia, Niterói, Est. do Rio,

Cep 24040-050. 
Tel.: (21) 2618-297

jornaltodapalavra@gmail.com

  • contact_email_red-128
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle