Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Auxílio emergencial: 14,7 milhões "em análise" podem ser liberados hoje


“Sua solicitação continua em análise”. Se você é uma daquelas pessoas que há três semanas, pacientemente, busca informação no site da Caixa Econômica Federal ou da Datraprev para saber quando e se vai receber o auxílio emergencial de R$ 600 do governo federal e recebe como resposta essa frase, enfim, segundo a Dataprev, você pode ter sua “análise” finalizada ainda nesta quarta-feira (13).

A Dataprev informa que 14,7 milhões de cadastros realizados entre 23 e 30 de abril estão na fase final de homologação, e os resultados serão transmitidos à Caixa Econômica nesta quarta-feira para que os pagamentos sejam processados. Esse número de pessoas integra os 16,4 milhões de pedidos que deram entrada no auxílio emergencial naquele período. Para saber se você foi contemplado, deve acompanhar a sua solicitação nos endereços virtuais da Caixa ou da Dataprev: https://auxilio.caixa.gov.br/#/inicio /

www.cidadania.gov.br/consultaauxilio e consultaauxilio.dataprev.gov.br.

Segundo o governo federal, 45,2 milhões de trabalhadores informais e integrantes do CadastroÚnico foram aprovadas para receber o auxílio emergencial; cerca de 30 milhões aguardam “análise” e outros 50,5 milhões foram considerados “inelegíveis” para receber o benefício.

Integrantes da equipe econômica já admitem, nos bastidores, que o governo pode ser obrigado a prorrogar o auxílio para além dos três meses inicialmente previstos. Há expectativa, contudo, de que o presidente Jair Bolsonaro vete a ampliação do auxílio para categorias como cabeleireiros e motoristas de aplicativo e rejeite o fim da exigência do teto de R$ 28.559,70 em 2018 para ter direito ao benefício.

Militares investigados

O Ministério da Defesa confirmou que 73.242 militares das Forças Armadas, incluindo ativos, inativos, de carreira e temporários, pensionistas, dependentes e anistiados receberam indevidamente o auxílio emergencial. Em nota, o ministério informou que os comandos das três Força abriram processo para investigar a participação de seus integrantes em irregularidades e que os valores recebidos serão devolvidos à União. Quem não devolver os recursos será inscrito na Dívida Ativa da União e cobrado compulsoriamente -, diz a nota.

Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Editor Responsável: Luiz Augusto Erthal.

Redação e Comercial: Rua Santa Clara, 32, Ponta d'Areia, Niterói, RJ

CEP 24040-050 | (21) 2618-2972 | jornaltodapalavra@gmail.com

Os conceitos emitidos nas matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. As colaborações, eventuais ou regulares, são feitas em caráter voluntário e aceitas pelo jornal sem qualquer compromisso trabalhista. © 2016 Mídia Express Comunicação.

A equipe

Editor Executivo: Luiz Augusto Erthal. Editor Rio: Vanderlei Borges. Editor Niterói: José Messias Xavier. Editores Assistentes: Apio Gomes e Osvaldo Maneschy. Editor de Arte: Augusto Erthal. Financeiro: Márcia Queiroz Erthal. Circulação, Divulgação e logística: Ernesto Guadalupe.

Uma publicação de Mídia Express 
Comunicação e Comércio Ltda.
Rua Santa Clara, 32, Ponta d’Areia, Niterói, Est. do Rio,

Cep 24040-050. 
Tel.: (21) 2618-297

jornaltodapalavra@gmail.com

  • contact_email_red-128
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle