Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Homem recebe eletrochoque por recusar a usar máscara


''Solta o meu pescoço, meu pescoço não'', gritava o homem. Em seguida, foi atingido por eletrochoque da GM do Rio

No mesmo dia em que um guarda municipal de Santos, no litoral de São Paulo, foi humilhado e intimidado pelo desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo, Eduardo Almeida Prado Rocha de Siqueira, depois de se recusar a colocar a máscara e receber notificação, no Rio de Janeiro, em plena praia de Copacabana, guardas municipais do Grupamento Especial de Praia e Marítimo (GPM) prenderam um homem que não acatou a ordem para colocar o equipamento de proteção. O homem, segundo a Guarda Municipal, se negou a entregar o documento para ser notificado e xingou os agentes, e ao ser comunicado que seria conduzido à delegacia, reagiu e foi imobilizado com pistola de eletrochoque.

Nas imagens que circulam pelas redes sociais, o rapaz, inicialmente, resiste à condução dos guardas municipais para a delegacia e alega ''não estar fazendo nada'', com as mãos para cima. Quando um dos agentes o segura pelo pescoço, mesmo parado, ele pede: ''Solta o meu pescoço, meu pescoço não''. Por um momento, o homem consegue se desvencilhar e se afasta. Logo em seguida, ele cai na areia após ser atingido por disparo de arma de eletrochoque. Ele xinga na direção de um dos agentes e outra arma de choque é disparada. Deitado de bruços na areia, ele é algemado com as mãos para trás e levado para a viatura. No decorrer da ação, alguns transeuntes gritam "covardia" e "pra quê isso?" na direção dos agentes da prefeitura.

De acordo com a prefeitura, o homem foi encaminhado para a UPA de Copacabana para a retirada dos dardos do eletrochoque. Ele foi autuado na 12a DP por desacato, desobediência e resistência.

Homem é algemado pelos agentes da Guarda Municipal do Rio, após ser imobilizado por disparo de eletrochoque

Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Editor Responsável: Luiz Augusto Erthal.

Redação e Comercial: Rua Santa Clara, 32, Ponta d'Areia, Niterói, RJ

CEP 24040-050 | (21) 2618-2972 | jornaltodapalavra@gmail.com

Os conceitos emitidos nas matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. As colaborações, eventuais ou regulares, são feitas em caráter voluntário e aceitas pelo jornal sem qualquer compromisso trabalhista. © 2016 Mídia Express Comunicação.

A equipe

Editor Executivo: Luiz Augusto Erthal. Editor Rio: Vanderlei Borges. Editor Niterói: José Messias Xavier. Editores Assistentes: Apio Gomes e Osvaldo Maneschy. Editor de Arte: Augusto Erthal. Financeiro: Márcia Queiroz Erthal. Circulação, Divulgação e logística: Ernesto Guadalupe.

Uma publicação de Mídia Express 
Comunicação e Comércio Ltda.
Rua Santa Clara, 32, Ponta d’Areia, Niterói, Est. do Rio,

Cep 24040-050. 
Tel.: (21) 2618-297

jornaltodapalavra@gmail.com

  • contact_email_red-128
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle