Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

PF faz operação contra o tráfico e sequestra R$ 400 milhões


Operação foi deflagrada pela PF e a Receita Federal nesta segunda-feira em nove estados (Divulgação/PF)

A Polícia Federal (PF) e a Receita Federal deflagraram nesta segunda-feira (23) uma operação com cerca de 670 policiais e mais 30 servidores da Receita para cumprir 149 mandados de busca e 66 mandados de prisão, contra o tráfico internacional de drogas e lavagem de dinheiro, nos estados do Paraná, de Santa Catarina, São Paulo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, do Pará, Minas Gerais, do Rio Grande do Norte, da Bahia e de Pernambuco.

A Interpol também foi acionada para a prisão de oito investigados que estão no exterior, bem como a identificação e sequestro de bens em outros países. “É a maior operação do ano no combate à lavagem de dinheiro do tráfico de drogas e uma das maiores da história na apreensão de cocaína nos portos brasileiros, uma vez se tratar de uma organização criminosa especializada no envio de cocaína para a Europa”, destacou a assessoria da PF.

Apreensões

Na megaoperação, foram apreendidos imóveis, aeronaves e veículos de luxo. A expectativa é que novos bens sejam identificados após o cumprimento de todos os mandados de busca e apreensão. Além do sequestro de bens cujo valor pode chegar a R$ 400 milhões, a Operação Enterprise é a maior da história em apreensão de cocaína. Durante a investigação, foram anteriormente apreendidas 50 toneladas da droga em portos do Brasil, da Europa e da África. O esquema utilizado pelos criminosos consistia na lavagem de bens e ativos multimilionários no Brasil e no exterior com uso de “laranjas” e empresas fictícias, a fim de dar aparência lícita ao lucro do tráfico.

A investigação durou mais de dois anos, e aponta que os dois portos mais usados pelos traficantes eram o de Santos, em São Paulo, e de Paranaguá, no Paraná.

Os mandados foram expedidos pela 14ª Vara Federal de Curitiba.


vila_de_melgaco.jpg
Anúncio_Denise.jpeg

Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Editor Responsável: Luiz Augusto Erthal.

Redação e Comercial: Rua Santa Clara, 32, Ponta d'Areia, Niterói, RJ

CEP 24040-050 | (21) 2618-2972 | jornaltodapalavra@gmail.com

Os conceitos emitidos nas matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. As colaborações, eventuais ou regulares, são feitas em caráter voluntário e aceitas pelo jornal sem qualquer compromisso trabalhista. © 2016 Mídia Express Comunicação.

A equipe

Editor Executivo: Luiz Augusto Erthal. Editor Rio: Vanderlei Borges. Editor Niterói: José Messias Xavier. Editores Assistentes: Apio Gomes e Osvaldo Maneschy. Editor de Arte: Augusto Erthal. Financeiro: Márcia Queiroz Erthal. Circulação, Divulgação e logística: Ernesto Guadalupe.

Uma publicação de Mídia Express 
Comunicação e Comércio Ltda.
Rua Santa Clara, 32, Ponta d’Areia, Niterói, Est. do Rio,

Cep 24040-050. 
Tel.: (21) 2618-297

jornaltodapalavra@gmail.com

  • contact_email_red-128
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle