Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Rio: festas e aglomerações na última madrugada do ano


Aglomeração nas areias de Ipanema, Zona Sul do Rio de Janeiro (Reprodução)

Com a cidade chegando a quase 15 mil mortos pela Covid-19, uma multidão se juntou para uma festa nas areias de Ipanema, na Zona Sul do Rio de Janeiro, com total desprezo ao uso de máscaras e distanciamento social, na madrugada desta quinta-feira (31). Mas não foi a única festa de irresponsáveis. Em outros pontos da cidade, como em Santa Teresa e Cordovil, além de bares lotados espalhados em diversos bairros, o desrespeito às regras de ouro da pandemia imperou e a Polícia Militar tentou dispersar os presentes, sem muito sucesso.

Imagens divulgadas pelas emissoras CNN Brasil e TV Globo, e outras que circularam amplamente pelas redes sociais, mostram dezenas de pessoas aglomeradas na altura do Posto 9, em Ipanema, bebendo e dançando, sem o uso de máscaras ou qualquer outra medida de proteção para evitar a propagação da doença.

A Polícia Militar foi acionada no início da madrugada para tentar dispersar a multidão, mas os frequentadores apenas se deslocaram até o calçadão, e muitos permaneceram na areia.


Policiais militares dispersam alguns dos presentes na praia de Ipanema (Reprodução)

Em Santa Teresa, um major do Corpo de Bombeiros tentou impedir o trabalho dos policiais e foi detido.

Na Cidade Alta, em Cordovil, moradores chamaram a polícia para reprimir uma festa que reunia grande público, com um grande palco e som nas alturas, além de barracas montadas e total desrespeito às regras de ouro contra a Covid-19.

Para tentar conter o aumento de casos, a Prefeitura do Rio de Janeiro decidiu fechar toda a orla da cidade durante a virada do ano. De acordo com as autoridades, serão instalados cerca de 40 pontos de bloqueios no acesso às praias das zonas sul e oeste da capital fluminense para evitar aglomerações.

Além disso, o governo do estado aumentará em 40% o efetivo da força-tarefa do Corpo de Bombeiros contra a Covid-19 para intensificar as fiscalizações durante o Ano Novo. Serão 43 equipes de intervenção rápida que ficarão responsáveis por realizar vistorias em locais com eventos de reunião de público em todo o estado.

Segundo os dados divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro, até esta quarta-feira (30) foram registrados 14.743 mortos pela Covid-19 na capital fluminense.



Os anunciantes pagam ao jornal por cada clique dos leitores. Clicando em nossos anúncios você ajuda a manter o TODA PALAVRA sem pagar nada por isso

Editor Responsável: Luiz Augusto Erthal.

Redação e Comercial: Rua Santa Clara, 32, Ponta d'Areia, Niterói, RJ

CEP 24040-050 | (21) 2618-2972 | jornaltodapalavra@gmail.com

Os conceitos emitidos nas matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. As colaborações, eventuais ou regulares, são feitas em caráter voluntário e aceitas pelo jornal sem qualquer compromisso trabalhista. © 2016 Mídia Express Comunicação.

A equipe

Editor Executivo: Luiz Augusto Erthal. Editor Rio: Vanderlei Borges. Editor Niterói: José Messias Xavier. Editores Assistentes: Apio Gomes e Osvaldo Maneschy. Editor de Arte: Augusto Erthal. Financeiro: Márcia Queiroz Erthal. Circulação, Divulgação e logística: Ernesto Guadalupe.

Uma publicação de Mídia Express 
Comunicação e Comércio Ltda.
Rua Santa Clara, 32, Ponta d’Areia, Niterói, Est. do Rio,

Cep 24040-050. 
Tel.: (21) 2618-297

jornaltodapalavra@gmail.com

  • contact_email_red-128
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle