Uma CPI para a Previdência


Um dos mais combativos senadores da República e um intransigente defensor dos direitos dos trabalhadores, o senador Paulo Paim (PT-RS) apresentou ontem (21) o pedido de criação de uma CPI para investigar a real situação da Previdência Social. “Nós temos dados de fiscais da Receita e eles provaram para nós e vão provar para o Brasil, neste CPI, que a Previdência é superavitária”, afirmou Paim, que protocolou o requerimento com assinaturas de 47 dos 81 senadores, quase o dobro necessário (27) para a criação de uma CPI.

Paim quer confrontar o principal argumento do governo golpista, de que a Previdência é deficitária, para barrar o projeto de reforma enviado por Michel Temer que prevê idade mínima de 65 anos e tempo mínimo de 49 anos de contribuição para aposentadoria. “Vamos fazer o debate em todos os estados, para que a população saiba quem está assaltando os cofres da nossa seguridade”, disse.

Em vídeo postado no facebook, o senador afirma que o objetivo é saber “quem rouba, quem são os corruptos, onde estão os 500 maiores devedores, quem de forma indevida desloca para outros fins o dinheiro da Previdência”. E faz ainda a indagação: “Vocês sabiam que, em quatro anos, teve gente que descontou do trabalhador mais de R$ 100 bilhões e não passou para a Previdência?”.

Com informações da Rede Brasil Atual

#Previdência

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif