728x90_2.gif

De escola a novo centro cultural


Apesar do incêndio que atingiu ontem (08) o antigo Colégio Brasil, localizado no bairro do Fonseca, o vereador Leonardo Giordano (PCdoB) diz que seguirá na luta pela construção de um centro cultural público no local, o primeiro da Zona Norte de Niterói. Desde 2013, o vereador tenta declarar o prédio histórico Patrimônio Cultural da cidade, além de dar um destino cultural para a área. Como presidente da Comissão de Cultura, Comunicação e Patrimônio Histórico da Câmara Municipal, fez diversas visitas técnicas ao local e conseguiu, com a família Brasil, que haja a doação do imóvel no caso dele passar por reforma e ter uso cultural.

"É uma luta justa, que desenvolvemos há muitos anos, pela preservação do prédio histórico e construção, no local, do primeiro centro cultural público da Zona Norte. Ao invés de desanimar por causa do incêndio, nós vamos insistir", garante.

Leonardo está fazendo três pedidos formais pela Comissão de Cultura solicitando a imediata investigação, pela autoridade policial, das causas do incêndio. Fará também um pedido de visita ao local acompanhando a defesa civil, além de solicitar que o poder público municipal desenvolva projeto formal para requerer financiamento federal que garanta a reforma e o uso cultural do edifício.

#ColégioBrasil #IncêndiodoColégioBrasi

1/3