728x90_2.gif

Advogado de milicianos nomeado "assessor especial" na Saúde


General Eduardo Pazuello é ministro interino do Ministério da Saúde, nomeado por Bolsonaro

Um advogado de milicianos no Rio foi nomeado esta semana "assessor especial" pelo general Eduardo Pazuello, ministro interino da Saúde. Segundo informação do G1, o advogado criminalista Zoser Plata Bondim Hardman de Araújo já defendeu chefes das maiores milícias do Rio de Janeiro, entre os quais Ricardo Teixeira da Cruz, o Batman, apontado como chefe da milícia Liga da Justiça, preso em penitenciária Federal.

Além de “Batman”, o advogado recém nomeado "assessor especial" defendeu também Wallace de Almeida Pires, o Robocop, suspeito de chefiar milícia da Gardênia Azul, executado em julho de 2019 e Daniel Santos Benitez Lopes, ex-tenente da PM do Rio, condenado pelo assassinato da juíza Patrícia Acioli. Os três milicianos, segundo investigações da Polícia Civil do Rio de Janeiro, exploravam comunidades da Zona Oeste na cidade.

A publicação sobre a nomeação do advogado não especifica quais funções ele exercerá no Ministério da Saúde, neste momento que o Brasil ultrapassa as marcas de 300 mil infectados e 20 mil mortes pela pandemia do novo coronavírus.

1/3