top of page
banner niteroi carnaval 780x90px 16 02 24.jpg

Alunos da rede participam de projeto sobre educação no trânsito

Em prosseguimento às ações do Maio Amarelo, foi realizado nesta quinta-feira (18/5) o projeto ‘Circolando de Bem com a Via’, voltado a crianças e jovens, no Horto do Barreto. O Circolando é uma iniciativa da Ecoponte que, em parceria com a NitTrans, desenvolve de forma lúdica a consciência sobre educação e segurança no trânsito. Participaram da atividade cerca de 60 crianças do 5º e 6º ano da Escola Municipal Mestra Fininha.

Foto: Lucas Benevides / Prefeitura de Niterói

Os estudantes foram recebidos no Horto do Barreto pelo vice-prefeito Paulo Bagueira e o presidente da NitTrans Gilson Souza. A atividade contou com apresentações teatrais, materiais e dinâmicas pedagógicas com instruções referentes à segurança viária. As atrações são realizadas dentro de uma estrutura itinerante adaptada com 32 lugares, equipada com confortáveis poltronas estofadas, som e imagem digital, ar condicionado, isolamento acústico e mini palco. Ao receber os alunos, Bagueira comemorou a realização do projeto no Barreto.


“Este é o primeiro dia do projeto aqui no Horto do Barreto, uma região com muitos estudantes, porque é rodeada de escolas. Então, nada mais oportuno do que estarmos aqui para que o maior número de crianças participe deste projeto que tem um propósito recreativo, mas também educacional, que contribui para formarmos cidadãos cada vez mais conscientes”, enfatizou o vice-prefeito.


‘Efeito Multiplicador’


Além da apresentação teatral, os jovens e crianças receberam um material informativo e puderam desenvolver o aprendizado em atividades práticas ministradas pela equipe de educação para o trânsito numa mini pista montada na Lona Cultural Arthur Maia, localizada dentro do Horto. Ana Bel Correa, produtora executiva do Circolando, explica que a atividade seguirá de forma lúdica entre os estudantes também no ambiente familiar.


“As crianças são agentes muito poderosos para educação, não só porque eles serão os futuros adultos, mas pela capacidade que eles têm de cobrar os pais e familiares as boas práticas da segurança viária, o que tem efeito multiplicador. Quando saem daqui eles ganham uma cartilha onde podem fiscalizar os pais e aplicar ‘multas’ educativas neles, em que as infrações prevêem passeios no parque, um sorvete, uma pipoca e outras recompensas”, conta Ana Bel.


Ação itinerante


O ‘Circolando de Bem com a Via’ foi realizado durante três dias (14, 15 e 16) no Campo São Bento, em Icaraí, e fica nesta quinta-feira (18/5) e sexta-feira (19/5) no Horto do Barreto. O projeto recebeu alunos das Escolas Municipais Júlia Cortines, Paulo de Almeida Campos e Mestra Fininha. Alunos da Escola Municipal André Trouche participaram da atividade no último dia da programação. Para o presidente da NitTrans, Gilson Souza, é fundamental incluir o tema da segurança no trânsito na rotina das crianças desde cedo.


“Esse projeto é muito importante porque tem foco nas crianças e as crianças acabam mudando os pais. A criança sabendo que tem que atravessar na faixa, que é preciso usar o cinto de segurança, ela passa a cobrar dos pais essa postura. E tanto no restante do mundo quanto no Brasil, as maiores vítimas de sinistros no trânsito são adolescentes e jovens, de 14 a 29 anos. A segunda faixa mais vitimada é a de crianças de 0 a 13 anos. Por isso é tão importante conscientizarmos eles desde pequeno”, defende Gilson.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

Chamada Sons da Rússia5.jpg
banner niteroi carnaval 300x250px 16 02 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page