Axel acusa manipulação bolsonarista em atos de desacato


Axel tem apelado à população através do sistema de sirenes para que o distanciamento social seja mantido

Depois de se aglomerarem domingo, 11, pela manhã,. na Praia de Icaraí, desafiando o decreto municipal que determina o distanciamento social para tentar conter o avanço do coronavírus em Niterói, grupos bolsonaristas interromperam o trânsito na manhã desta segunda-feira, 12, na Avenida Roberto Silveira, e planejam novas ações coordenadas em desacato às medidas de lockdown. Entre elas está o incitamento aos comerciantes para abrirem suas lojas "na marra".

A "ordem" - a que o TODA PALAVRA teve acesso - de abertura para os estabelecimentos de atividades não essenciais, cujo fechamento está previsto no decreto, deveria valer a partir das 10 horas desta segunda-feira. Por volta de meio-dia, várias lojas de roupas, de móveis e decoração do Centro da cidade, que deveriam estar fechadas, foram flagradas pela reportagem do jornal funcionando a meia porta.

Falando com exclusividade ao TODA PALAVRA, o prefeito Axel Grael disse que "há forte manipulação bolsonarista e alguns estão se deixando enganar". Embora os protestos dos últimos dias se apresentem formalmente como manifestações de lojistas e comerciantes, os atos são comandados, na verdade, por lideranças bolsonaristas, como o deputado federal Carlos Jordy (PSL) e o vereador Doulgas Gomes (PTC).

As atitudes hostis e desafiadoras dos manifestantes têm sido marcas registradas do movimento. No domingo, dezenas de pessoas invadiram a areia para expulsar um grupo de cinco guardas municipais, que tantavam cumprir o decreto do prefeito e retirar as pessoas da Praia de Icaraí. Acuados e intimidados, sem apoio de outros contingentes, seja da própria Guarda Municipal, seja da Polícia Militar, os agentes é que tiveram de bater em retirada, conforme mostrado na reportagem do TODA PALAVRA.

Axel, porém, disse que os atos de desacato são passíveis de punçião:

"As equipes de fiscalização estão trabalhando para conscientizar e até multar quem eventualmente estiver desobedecendo. É importante que as pessoas entendam que são vidas em jogo."

O prefeito lembrou os esforços feitos pela prefeitura para socorrer tanto os empresários como os trabalhadores formais e informais, além das famílias que não têm como se sustentar durante o período da pandemia.

"A prefeitura está fazendo o que nenhuma outra cidade está fazendo: ajudando famílias e empresas, com repasses de recursos desde o ano passado, quando R$ 600 milhões foram investidos. Neste ano já serão mais de R$ 300 milhões até junho. São 50 mil famílias com auxílios, 2.800 empresas com ajuda da prefeitura", ressaltou o prefeito.

Axel apelou mais uma vez no sentido de que a população compreenda e colabore, ficando em casa tanto quanto possível, para evitar o colapso do sistema de saúde da cidade, salvando o maior número de vidas possível em Niterói:

"Tenho certeza que saberão entender que o sacrifício agora é para que a gente volte a uma situação de maior normalidade. Se não fizermos o esforço agora, demorarem mais a salvar a cidade e perderemos mais vidas. Não vemos escolha..."

1/3
300x250px - para veicular a partir do di

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

Leia também: