728x90_2.gif

Barcelona perde de 8 a 2 com Messi e tudo


Lionel Messi (Reprodução)

Pelo segundo ano consecutivo, o Barcelona foi eliminado nas quartas de finais da Liga dos Campeões da Europa. Mas não foi um resultado qualquer. Jogando um futebol apático e sem inspiração de Messi nunca vistos, a equipe espanhola foi atropelada pelo Bayern de Munique, que, ao contrário do adversário, voou em campo. Tanto que construiu a vitória logo no primeiro tempo com um 4 x 1 no placar. No final, veio o vexame do time espanhol e a goleada confirmada por um incrível 8 x 2 e a classificação para as semifinais da competição. Müller (duas vezes), Perisic, Gnabry, Kimmich, Lewandowski e Philippe Coutinho (duas vezes) escreveram seus nomes não só na história da Champions. Alaba (contra) e Suárez fizeram os gols do Barcelona.

Com Philipe Coutinho em campo, não foi difícil lembrar de outro jogo histórico envolvendo alemães. Mas não apenas pela presença em campo de um brasileiro, coincidentemente emprestado pelo Barcelona. Três jogadores em campo no Estádio da Luz, em Lisboa - o goleiro Neuer, o zagueiro Boateng e o goleador Thomas Müller - insistiam em nos lembrar daquele trágico 8 de julho de 2014, no Mineirão. E tanto quanto naqueles 7 a 1 aplicados pela Seleção da Alemanha, a equipe do Bayern não precisou fazer muito esforço para chegar ao placar equivalente. Mais uma improvável goleada a entrar para a história do futebol. Essa, como a do dia em que o Barcelona de Messi e Cia perdeu de 8 a 2 na Champions League para o Bayern de Munique.


1/3
BANNER_ESTATICO_300X250_v2-01.jpg