Bombadão e Flordelis a caminho do Conselho de Ética da Câmara


Os deputados federais Daniel Silveira (PSL-RJ) e Flordelis de Souza (PSD-RJ) podem começar a se acostumar com a ideia de perder seus mandatos por quebra de decoro parlamentar. O presidente do Conselho de Ética da Câmara, deputado Juscelino Filho (DEM), informou que retomará as atividades do Conselho na próxima quarta-feira ((24) e será dada prioridade à tramitação do processo de cassação de Silveira, assim como ocorrerá com o processo de Flordelis, que está parado na Mesa Diretora desde outubro do ano passado, uma vez que o Conselho não estava em funcionamento. A representação da Mesa Diretora contra Silveira chegou ao Conselho na última quinta-feira (25).

Nesta sexta-feira, a Câmara dos Deputados impôs uma derrota acachapante ao deputado bolsonarista, mantendo, por 364 votos a 130 - além de 3 abstenções -, a decisão do STF de prisão em flagrante após ele ter publicado um vídeo ameaçando e insultando a Suprema Corte e seus ministros e invocando o AI-5 - instrumento de repressão mais duro da ditadura militar, que fechou o Congresso e o STF e suspendeu direitos políticos, com um rastro de arbitrariedades, torturas e mortes de adversários do regime.

Já Flordelis, que vem sendo monitorada por tornozeleira eletrônica, é acusada pelo Ministério Público estadual de ser a mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, em 2019. Ela responde por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado, associação criminosa majorada, uso de documento ideologicamente falso e falsidade ideológica. A deputada, no entanto, não foi presa em razão da imunidade parlamentar, que só permite a prisão de parlamentares em flagrante e por crimes inafiançáveis.

A deputada não participou da sessão na Câmara que manteve a prisão de Daniel Silveira. Segundo uma nota divulgada pela parlamentar, ela não participou da votação porque teve um "mal súbito".

"Por força de todo nervosismo com minha situação jurídica e política atual e do estresse que o momento me ocasiona, fui tomada por um mal súbito (ainda sequelas de um AVC), que me obrigou a buscar ajuda médica no dia de hoje. Assim, não me foi possível participar da votação sobre o deputado Daniel Silveira", diz Flordelis.

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

1/3
300x250px - para veicular a partir do di
Leia também: