Câmara aprova urgência para legalizar jogo do bicho e cassino


(Reprodução)

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (16) requerimento de urgência para votar o projeto de lei que legaliza os jogos de azar no Brasil, como jogo do bicho, corrida de cavalo, bingo e cassino. Com a aprovação - 293 votos a favor, 138 contrários e 11 abstenções -, o texto não precisará passar pela análise das comissões e seguirá diretamente para o Plenário.

Segundo reportagem do UOL, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), tenta liberar os jogos de azar com apoio da bancada evangélica em troca de isenção de IPTU para templos religiosos.

Arthur Lira defendeu a liberação com o argumento de que todo mundo sabe que no Brasil os jogos existem e funcionam na clandestinidade. Os defensores da legalização falam em criação de emprego, enquanto os deputados contrários à pauta acreditam que a liberação será responsável por mais lavagem de dinheiro, além do que já existe em grande escala no Brasil, estimada em cerca de R$ 500 bilhões a cada ano.

Ganhe_Ate_300x250px.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
Aumentou_728x90px.gif