top of page

Caminhada em Copacabana defende crianças contra abusos

A Praia de Copacabana vai receber, neste domingo (26/5), a caminhada social chamada 'Diga Não', que faz parte das atividades pelo Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e à Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. O evento, com previsão para começar às 10h, terá concentração nas proximidades do Copacabana Palace.

“A participação de todos é crucial para proteger nossas crianças e nossos adolescentes, garantindo um futuro seguro e saudável para todos", diz o ativista na proteção das crianças e adolescentes Renato de Paula que, com sua experiência na área de saúde e reabilitação, convoca profissionais de diversas áreas na luta contra a violência sexual infantil.


Fisioterapeuta, PhD em Bioquímica Médica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e doutor em Neurociência pelo Imperial College London, na Inglaterra, Renato de Paula destaca a importância de olhar com mais atenção para as crianças com deficiência, frequentemente mais vulneráveis ao abuso e à exploração sexual. Ele enfatiza a necessidade de uma vigilância ainda maior com esse grupo, que enfrenta desafios adicionais na defesa de seus direitos e na obtenção de proteção adequada:


"É nosso dever garantir que as crianças e os adolescentes tenham voz e sejam protegidos de todas as formas de violência".


A mobilização é organizada pela Associação de Centro de Estudos de Terapias e Reabilitação do Rio de Janeiro (Aceterj), em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e a Fundação para a Infância e Adolescência (FIA).

コメント


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page