Cariocas desrespeitam lockdown e vão às praias


(Reprodução)

No terceiro dia de lockdown para conter o avanço da Covid-19, o Rio de Janeiro registrou neste domingo (28) flagrante desrespeito às regras da prefeitura nas praias da orla carioca. Imagens feitas pela TV Globo mostraram movimentação de banhistas na faixa de areia e no mar nas praias do Leme, Arpoador, Copacabana, Ipanema e Leblon.

O decreto do prefeito Eduardo Paes (DEM) permite esportes individuais na areia e no mar, assim como a prática de caminhada e corrida com o uso de máscara, além de natação e surfe. O banho de sol e mar, no entanto, estão proibidos.

Entre as medidas tomadas pelo governo do estado está a proibição de permanecer nas praias. Municípios como Rio e Niterói, autonomamente, adotaram outras ações complementares. As restrições, feitas por decretos estadual e municipais, entraram em vigor na última sexta-feira (26) e são válidas até o dia 4 de abril.

864 multas e interdições de estabelecimentos

No sábado (27), a Prefeitura registrou ao todo 864 autuações – multas e interdições a estabelecimentos, infrações sanitárias, multas de trânsito, reboques e apreensões de mercadorias. Entre elas, foram aplicadas 60 multas a bares, restaurantes e ambulantes e fechados 19 estabelecimentos em desacordo com as regras determinadas pelo decreto.

A operação contou com agentes da Secretaria Municipal de Ordem Pública, Guarda Municipal, Instituto Municipal de Vigilância Sanitária e apoio da Polícia Militar. Os comboios de fiscalização percorreram as localidades de Santa Cruz, Zona Sul, Méier, Bangu, além da atuação destacada da Guarda Municipal por todo o município. As ações de fiscalização também contaram com bloqueios móveis em pontos estratégicos da cidade para coibir a entrada de ônibus e vans fretados, que estivessem descumprindo as determinações da Prefeitura.

Guarda Municipal

A Guarda Municipal fez fiscalização em locais das zonas Sul, Norte e Centro do Rio, como Lapa, Tijuca, Flamengo, Vila da Penha, Vila Isabel, Ilha do Governador, Gávea, Leblon, Jacarepaguá, Campo Grande, entre outros. De acordo com a prefeitura, a GM realiza ações em pontos onde são registradas aglomerações e nas denúncias enviadas por cidadãos via Central 1746 da Prefeitura do Rio. Os agentes também fazem patrulhamento em toda a orla da cidade para orientar banhistas sobre a proibição da permanência na areia.

As rondas acontecem nas praias do Leme ao Pontal, incluindo Flamengo, Botafogo, Joatinga e Urca. Também acontecem na orla da Zona Oeste, nas praias da Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes. Para restringir o acesso às praias de Grumari, Prainha e Barra de Guaratiba, bloqueios foram instalados na Avenida Estado da Guanabara e na Estrada da Barra de Guaratiba.

Durante as ações de patrulhamento, o som das viaturas é utilizado para emitir mensagens sonoras com orientações de prevenção do contágio do novo coronavírus, como lavar as mãos constantemente e o uso da máscara de proteção facial. As ações são realizadas em pontos que registram grande movimento de pessoas como praias, praças e paradas de transporte público.

Ainda segundo a prefeitura, o patrulhamento também foi reforçado nas estações do BRT, com equipes atuando para coibir aglomerações e a ocorrência de calotes. Ação acontece nos três corredores do sistema, Transcarioca, Transolimpica e Transoeste.

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif