Centro de Niterói receberá obras de revitalização


Niterói completa 450 anos de sua fundação em 2023 e, para marcar a data, a Prefeitura de Niterói fará uma série de intervenções pela cidade. O Centro 450 receberá, até 2024, obras de revitalização que vão mudar a paisagem do local. Entre as mudanças, estão previstas obras na Avenida Amaral Peixoto e Rua da Conceição, além da transformação da Concha Acústica em um polo esportivo e as melhorias na Praça Arariboia. O investimento previsto fica em cerca de 400 milhões de reais.

Projeto da nova orla no Centro / Divulgação

O prefeito de Niterói, Axel Grael, explicou que as obras vão acontecer de forma simultânea em diversos pontos da cidade.


“A nossa equipe está elaborando um cronograma considerando evitar que possam ocorrer possíveis transtornos em decorrência das obras em pontos diferentes da cidade. Algumas obras interferem mais na vida do cidadão, como aquelas realizadas nos espaços públicos, como na Avenida Amaral Peixoto e Rua da Conceição, por isso nossas equipes estão trabalhando para que as obras causem o menor impacto possível na vida dos cidadãos”, declarou o prefeito.


Projeto da nova Avenida Amaral Peixoto inclui arborização e canteiros/ Divulgação

O projeto para o Centro tem entre seus objetivos a criação de um corredor verde na Avenida Amaral Peixoto e a reurbanização da Rua da Conceição e da Avenida. Rio Branco. Outra grande alteração fica a cargo da reformulação de ruas que estarão integrando o Caminho Niemeyer ao Centro com a criação de novas quadras no lote onde funcionou um supermercado. Neste trecho, serão formados oito quarteirões que passam a permitir o acesso de veículos e pedestres ao local que agrupa as obras do grande arquiteto Oscar Niemeyer.


As intervenções realizadas no Centro, além de melhorar e reordenar o trânsito e os espaços públicos pelo Centro da cidade, também pretendem trazer investimentos para o local. De acordo com o secretário Municipal de Urbanismo e Mobilidade, Renato Barandier, as obras vão criar novas conexões com áreas turísticas.


“O abandono dos grandes lotes privados gerou uma condição de degradação no local. Precisamos trazer mais qualidade urbana e reverter esse cenário, tornando o Centro mais atrativo para investimentos e também para novas moradias”, descreveu o secretário.

Projeto da nova Avenida Rio Branco / Divulgação

A Avenida Rio Branco vai ganhar novo paisagismo e novo calçamento com corredor viário que seguirá da Ponta D´Areia até a Concha Acústica em uma faixa exclusiva para transporte. Já a Avenida Amaral Peixoto, uma das principais ruas do Centro de Niterói, vai receber um corredor verde com canteiros de árvores nos dois lados da via. Na Rua da Conceição, a intervenção vai contemplar a construção de novas calçadas com acessibilidade e dutos subterrâneos que vão aterrar a fiação das redes de telecomunicações.


O projeto de requalificação vai além da área urbanística e traz para a região central da cidade um complexo esportivo de padrão internacional. A revitalização da Concha Acústica, que tem orçamento previsto de R$ 87,5 milhões, está em fase de formalização com o consórcio vencedor da licitação para iniciar as obras.


O pacote de obras inclui ainda a reforma das Praças do Rink, da República, Leoni Ramos e do Jardim São João. A intervenção também contempla a restauração da Casa Lourival de Freitas que vai abrigar uma escola de música.


Edital


A previsão é que em março seja publicado um edital para a contratação da empresa que fará a obra de intervenção na Praça Arariboia que tem R$ 10 milhões em recursos disponíveis para a ampliação da abertura para frente marítima e paisagismo feito pelo escritório Burle Max.


A intervenção ainda contemplará uma reformulação do bicicletário que vai expandir sua capacidade para comportar mais que o dobro de bicicletas no local, indo de 446 para 950 vagas. Essa ampliação tem custo previsto e R$ 1 milhão.


Fonte: Coordenadoria de Comunicação da Prefeitura de Niterói

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg