top of page
banner niteroi carnaval 780x90px 16 02 24.jpg

China compra US$ 40 bilhões em equipamentos para chips

As importações chinesas de máquinas para a fabricação de chips aumentaram no ano passado, à medida que as empresas aumentaram os investimentos na tentativa de contornar os esforços liderados pelos EUA para prejudicar a indústria de semicondutores do país.

As importações de maquinário sensível ao setor para a produção de chips de computador aumentaram 14% em 2023 para quase US$ 40 bilhões, o segundo maior montante em valor registrado em dados que remontam a 2015, de acordo com os cálculos da mídia baseados em dados alfandegários oficiais.


Mesmo com uma queda de 5,5% nas importações chinesas totais no ano passado, o aumento das aquisições do setor destacam a importância que o governo chinês atribui à indústria.


As empresas chinesas de chips estão investindo rapidamente em novas fábricas de semicondutores para tentar melhorar as capacidades do país e contornar os controles de exportação impostos pelos EUA e seus aliados, que veem o avanço chinês na indústria como uma ameaça comercial ao setor de alta tecnologia.


As importações chinesas provenientes dos Países Baixos dispararam no ano passado, antes dos novos controles de exportação, que limitarão ainda mais a capacidade de empresas, como a Semiconductor Manufacturing International Corporation.


Mesmo antes das restrições entrarem em vigor, a empresa holandesa ASML Holding NV cancelou os envios de algumas de suas máquinas top de linha para a China, a pedido do governo dos EUA, de acordo com a apuração da mídia.


Fonte: Sputnik / *Com informações da Bloomberg

Chamada Sons da Rússia5.jpg
banner niteroi carnaval 300x250px 16 02 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page