Chuvas causam estragos e morte em SG e Niterói


Foto: Divulgação

A forte chuva que atingiu o estado do Rio de Janeiro na noite do domingo (30/5) provocou diversos estragos nos municípios de Niterói e São Gonçalo. Além de deslizamentos de terra, alagamentos e quedas de árvores, uma morte foi registrada devido à queda de um muro.


Niterói registrou congestionamentos durante à noite de ontem em vários pontos da cidade devido à falha nos sinais de trânsito provocada pela chuva. Na ponte Rio-Niterói, comboios da Ecoponte foram utilizados para controlar o tráfego durante a ventania. O procedimento utiliza veículos de grande porte para auxiliar os motoristas e evitar acidentes no trecho.


O fornecimento de energia também chegou a ser interrompido no Fonseca e no Barreto, na Zona Norte, e em Piratininga e Cafubá, na Região Oceânica. O Corpo de Bombeiros registrou a queda de uma árvore na Engenhoca, uma em São Francisco e duas outras no Fonseca. Não houve vítimas. Moradores também relataram a queda de um poste de luz no Caramujo.


Segundo a Niterói Transportes, a Avenida Almirante Ary Parreiras, em Icaraí, foi interditada para realização de reparos de emergência na manhã desta segunda-feira (31/5). Os moradores do região tiveram o fornecimento de energia interrompido.


São Gonçalo


No bairro Tribobó, um muro desabou na Rua Benjamin do Vale Brum, por volta das 22h. Segundo testemunhas, a técnica de enfermagem Ana Paula Souza, de 34 anos, telefonou para que os tios fossem buscá-la no ponto de ônibus. Após chegar em frente à sua casa, Ana Paula saía do veículo para entrar na residência quando o muro desabou sobre ela e os três ocupantes do veículo.


As vítimas foram encaminhadas ao Hospital Estadual Alberto Torres (Heat), no bairro Colubandê. No entanto, Ana Paula não resistiu aos ferimentos. Uma das vítimas é sua filha, de 11 anos, que estava acompanhada dos tios.


No bairro Vista Alegre, duas mulheres acabaram feridas após um deslizamento de terra. As duas também foram socorridas no Hospital Estadual Alberto Torres (Heat). Ainda não há informações sobre o estado de saúde. Já no bairro Trindade, uma família teve a casa invadida por uma árvore após a queda provada pela forte chuva. Parte do muro, da varanda e do telhado da residência foi destruída. O carro dos moradores também foi atingido.


A Prefeitura de São Gonçalo informou que "o município segue em Estágio de Vigilância, nesta segunda-feira (31/5). Seguindo os protocolos, a Defesa Civil de São Gonçalo emitiu Alerta via SMS informando a população sobre a possibilidade de chuva moderada a forte no município".

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif