'Cine Reflexão' tem sessão dupla gratuita no Solar do Jambeiro

No dia 10 de agosto, quarta-feira, às 18h, vai acontecer, no Solar do Jambeiro, a segunda edição do 'Cine Reflexão'. Na programação, uma sessão dupla com o curta-metragem ‘Romão’ e, em seguida, o longa ‘Trem do Soul’. Ambos os filmes são de Clementino Junior, que estará presente para um bate-papo após a exibição dos documentários.

Divulgação

Uma parceria entre Niterói Filmes, NuCine e Solar do Jambeiro. A realização é da Secretaria Municipal das Culturas (SMC) e da Fundação de Arte de Niterói (FAN). A entrada é gratuita.


Sobre os filmes:


- 'Romão'


Documentário – 10 min – 2022

Direção: Clementino Junior

Curta-metragem documentário, piloto de uma proposta de minissérie chamada ‘Pretérito’.

Roteiro, Produção, Fotografia, Edição, Finalização, Pesquisa: Clementino Junior

Assistente de Direção: Pedro Gomes

Elenco: Marcos Romão.

Material documental: Acervo CULTNE

Transcrição: Darlene Santos


Sinopse: Marcos Romão, personagem importante da militância negra no Brasil e que atuou em outros países, faz uma breve reflexão sobre as diferenças do combate ao racismo ao longo de 4 décadas da abertura política e sua visão em 2017, ano do depoimento.


- ‘Trem do Soul’


Documentário – abril de 2021 – direção Clementino Junior – 83 minutos

Direção: Clementino Junior


Sinopse:


‘Trem do Soul’ é um documentário que surge da urgência em materializar as pesquisas realizadas pelos geógrafos e articuladores culturais Jorge Barbosa e André Diniz, entendendo a importância do que um movimento emergente das periferias do Grande Rio, movido por música, autoafirmação da negritude e uma economia própria. Movimento que surge no momento de maior repressão da ditadura militar, que não acreditava que jovens suburbanos e pretos pudessem em tão pouco tempo formar uma rede de entretenimento, lançar uma moda própria, e se expressar por um vocabulário próprio fora dos padrões das novelas e do contexto social e político da época.


Trem do Soul é uma cartografia memorial, afetiva e narrada por vozes e olhares que se fizeram presentes nos bailes soul da década de 1970, como dançarinos, músicos e promotores de eventos, produzido por uma equipe 90% preta. O movimento Soul, ou Black Rio, agregou de jovens que só queriam dançar aos que viriam anos depois a contribuir para a fundação do Movimento Negro Unificado. O trem do título surge da percepção de que, mesmo não sendo o transporte preferencial dos Blacks, suas linhas e ramais desenham involuntariamente o mapa dos bailes e dos grandes núcleos de equipes do som.


Entre os entrevistados, DJs e promotores da música Black no Rio de Janeiro que surgem no movimento, como Dom Filó, DJ Neném, Zezzynho Andrade, além de herdeiros nobres do movimento como Sandra de Sá e o norte americano pioneiro do Hip Hop e da Zulu Nation Afrika Bambaataa, bem como os cantores Carlos Dafé, Gerson King Combo e dançarinos que trazem o olhar da juventude descompromissada, mas consciente da época. O filme também conta com o roteiro da premiada cineasta Milena Manfredini, trilha musical de Jonathan Ferr, e produção artística do multiartista Márcio Januário.

Divulgação

Serviço


Evento: Cine Reflexão – ‘Romão’ e ‘Trem do Soul’

Local: Solar do Jambeiro – Salão Amarelo

Endereço: Rua Presidente Domiciano, 195 - Ingá, Niterói - RJ

Data: 10 de agosto (quarta-feira)

Horário: 18h

Lotação: 40 pessoas

Ingresso: Entrada gratuita

Classificação Indicativa: Livre


Fonte: Departamento de Imprensa SMC/FAN

300x250_QuatroRodas.gif
728x90_PorqueArCondicionado.gif
Toda Palavra 076 - p 4-5.jpg

Leia a versão digital da edição impressa do TP