Circuito Arariboia dobra número de feiras de economia solidária

A Região Oceânica vai ganhar mais uma feira do Circuito Arariboia, agora em Piratininga. A feira do Circuito de Economia Solidária vai acontecer de forma quinzenal, das 8h às 17h, na Praça Luiz Gomes, também conhecida como Praça do Toboágua. Em 2022, a Prefeitura de Niterói dobrou o número de feiras, indo de 4 para 8, em diversas regiões. Agora, os niteroienses contam com feiras em Icaraí, Centro, Ingá, Itaipu, Piratininga e no Barreto. Ao todo, mais de 300 expositores participam do Circuito pelos bairros da cidade.

Expositores da Feira de Piratininga / Divulgação

A Secretaria Municipal de Assistência Social e Economia Solidária é a responsável pela organização do Circuito Arariboia com cogestão do Fórum de Economia Solidária de Niterói. O secretário da pasta, Elton Teixeira, ressalta a importância da expansão das atividades.


"A ampliação do Circuito Arariboia é fundamental para garantir a geração de renda para a produção local. As feiras representam uma alternativa para a geração de renda e a inclusão social".


A feira de Piratininga foi lançada durante o evento do Clube da Esquina que aconteceu neste domingo (25/9). A próxima edição será em outubro, no domingo (9), e conta com barracas de produtos de artesanato, agricultura familiar e gastronomia.


O subsecretário de economia solidária, Maicon Carlos, destaca que a feira promove a economia local.


"Em 2022, dobramos o número das feiras do Circuito Arariboia, saindo de 4 para 8. O objetivo é que os trabalhadores do Fórum de Economia Solidária possam escoar sua produção e promover a economia local".


O Circuito Arariboia acontece em dias e regiões diferentes da cidade, da Zona Norte à Região Oceânica. São diversas barracas com produtos artesanais, trabalhos manuais, produtos orgânicos e arte popular que inclui artesanato, frutas, verduras e legumes da agricultura familiar, gastronomia artesanal e outros produtos que respeitam a produção local, o meio ambiente, a sustentabilidade e o comércio justo.

Expositores / Divulgação

As atividades acontecem de quarta a domingo:


Quarta-feira: A feira do Ingá fica na Praça César Tinoco, no Ingá, e acontece às quartas, das 8h às 14h.


Quinta-feira: No Centro, a feira funciona ao lado do Terminal João Goulart, na Avenida Visconde do Rio Branco. A feira acontece de forma quinzenal, às quintas-feiras, e a próxima acontece no dia 23 de junho, das 7h às 18h.


Sexta-feira: Na Praça das Águas, no início da Av. Amaral Peixoto, funciona de forma alternada às sextas, das 8h às 14h, e a próxima é no dia 8 de julho. Já a feira da Praça Dom Navarro, na Ary Parreiras (Icaraí), acontece das 8h às 16h.


Sábado: Neste dia, o Circuito acontece em três locais: em Icaraí, no Barreto e Itaipu. A feira do Campo de São Bento começa às 8h e vai até às 14h, e acontece quinzenalmente, com encontro marcado neste sábado (25/9). No Barreto, a feira acontece dentro do Parque Palmir Silva (Horto do Barreto), R. Dr Luiz Palmier s/nº, das 7h às 15h. Já na Região Oceânica, o espaço fica na Praça das Amendoeiras, próximo ao ponto final do ônibus 38, das 8h às 18h.


Domingo: Aos domingos, a feira do Circuito de Economia Solidária conta com a feira de Piratininga que vai acontecer de forma quinzenal, das 8h às 17h, na Praça Luiz Gomes, também conhecida como Praça do Toboágua.


Comemoração


A feira do Circuito Arariboia que acontece em Itaipu comemorou, neste último sábado (24), 6 anos de existência. A feira agrupa mais de 50 empreendimentos de produtores locais, como cerveja artesanal, gastronomia, agroecológicos, artesanato e vestuário. Além disso, a comemoração contou com atividades culturais.


O Circuito Arariboia de Economia Solidária foi estabelecido como uma das ações da Política Municipal de Economia Solidária, Lei 3.473 de janeiro de 2020. Para conhecer melhor o movimento de economia solidária na cidade, acesse: https://www.ecosolniteroi.org.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

300x250px.gif
728x90px.gif