Clube Tamoio, em SG, pode virar patrimônio estadual


Foto: Divulgação/Redes Sociais

O tradicional clube Tamoio, de São Gonçalo, pode virar patrimônio cultural e histórico do estado do Rio de Janeiro. É o que propõe o projeto de lei da deputada estadual Zeidan (PT) apresentado à Assembleia Legislativa (Alerj).


O projeto de lei de Zeidan foi apresentado em outubro do ano passado, quando ocorreu a desocupação do prédio para posse dos novos proprietários. Pela proposta, o Clube Tamoio será declarado como patrimônio do estado do Rio de Janeiro, evitando que deixe de ser preservado. A proposta tomba todas as edificações do Tamoio considerando o "interesse social, histórico e cultural do Estado do Rio de Janeiro".


“O Carnaval carioca teve no Clube Tamoio uma importância muito grande. Ali eram realizados desfiles de fantasias de luxo do carnaval, com transmissão pela TV e ficou na memória de muita gente. Agora querem apagar uma história que tem tantos outros momentos importantes como shows, campeonatos de futebol, festas, grandes eventos e muito esporte e lazer. Vamos lutar para manter de pé esse importante espaço de São Gonçalo”, afirmou a deputada Zeidan.


Por outro lado, a Câmara Municipal de São Gonçalo está analisando um projeto de lei do vereador Cacau (Cidadania) que prevê o 'destombamento' do Clube, com a possibilidade de cedê-lo à iniciativa privada. Caso essa proposta seja aprovada, a área poderá ser aproveitada comercialmente, ignorando os fatores culturais e históricos do prédio.


A expectativa é que o projeto de tombamento estadual seja votado nesta quinta-feira (24/2) na Alerj. Se for aprovado, a proposta será encaminhada à sanção ou veto do governo Claudio Castro. Caso o Clube Tamoio seja tombado, todo o acervo histórico e cultural ficará livre de destruição, descaracterização ou mudança de uso do imóvel em questão, bem como a transferência definitiva de suas atividades.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg