Com risco muito alto, Rio libera praias nos dias úteis


(Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil)

A cidade do Rio de Janeiro liberou a permanência nas praias a partir de segunda-feira (26), durante os dias úteis da semana. Também foi liberado, nesses mesmos dias, o comércio nas areias das praias. As medidas de flexibilização fazem parte de um decreto publicado nesta sexta-feira (23) no Diário Oficial do Município. As medidas integram as ações voltadas para o combate à Covid-19 e visam evitar aglomerações.

Tanto o comércio quanto a permanência na areia das praias continuam proibidos aos sábados, domingos e feriados.

Outra medida de flexibilização adotada pela prefeitura foi a permissão para que bares, restaurantes e lanchonetes funcionem até as 22h a partir de amanhã (24).

Comércios e serviços não essenciais, incluídos os localizados em shopping centers, também poderão funcionar até as 22h, a partir de amanhã, desde que só atendam a 40% de sua capacidade se localizados em ambiente aberto e 60% se estiverem em locais fechados.

Também passam a funcionar com essas regras os estabelecimentos culturais e de lazer (como museus, bibliotecas e parques de diversões), com exceção de boates, danceterias e casas de espetáculo, que continuam impedidos de funcionar.

A permanência das pessoas nas ruas também continua proibida das 23h às 5h. As medidas valem até 3 de maio.

A cidade chega à última semana do calendário de vacinação dos idosos com outras boas notícias revelada pelo 16º Boletim Epidemiológico da Covid-19: as médias móveis de atendimentos de síndromes gripal e respiratória aguda grave (SRAG) nas unidades de urgência e emergência e de casos confirmados de Covid-19 mantêm a tendência de queda. E a de óbitos começa a apresentar estabilidade. Mesmo assim, o município segue em alerta, mantendo a faixa de risco muito alto.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg