Começa nesta sexta campanha de Niterói na TV

Atualizado: 9 de Out de 2020


Reprodução

Começa nesta sexta-feira, 9, a propaganda eleitoral dos candidatos à prefeitura de Niterói no rádio e na televisão. A Rede TV irá transmitir 2 blocos de 10 minutos com os programas de 6 dos 9 postulantes ao cargo de prefeito no município. O primeiro bloco será veiculado das 13h às 13h10m. E o segundo, das 20h30m às 20h40m.


No rádio, a propaganda vai ao ar pela Rádio Cidade, com retransmissão da Rádio Manchete, também em dois horários: das 7h às 7h10m, e das 12h às 12h10m.


A ordem de apresentação dos programas nesta sexta-feira foi definida por sorteio pela Justiça Eleitoral, na presença de todos os partidos. Juliana Benício, do Novo, vai ser a primeira, em sistema de rodízio. Depois dela virão os programas do candidato da coligação Aliança por Niterói, do bolsonarista Allan Lyra (PTC); da coligação Niterói Primeiro, de Felipe Peixoto (PSD); de Axel Grael (PDT), da União por Niterói; e de Deuler da Rocha (PSL), da aliança Força, Honra e Fé. O último será Flávio Serafini (PSOL), da frente À esquerda para Mudar.


A cláusula de barreira deixou 3 candidatos de fora dos programas eleitorais no rádio e na tevê. A reforma eleitoral sancionada em 2017 exclui do fundo partidário e da propaganda gratuita os partidos que não tiveram, nas últimas eleições para a Câmara Federal, o mínimo de 1,5% dos votos válidos, distribuídos em um terço dos estados, com um mínimo de 1% do eleitorado em cada um deles.


Sendo assim, Danielle Bornia (PSTU), Renata Esteves (PMB) e Tuninho Fares (DC) terão que intensificar o corpo a corpo com eleitores, tendo como desafio as limitações da pandemia, e investir nas redes sociais para compensar a ausência nos outros meios de comunicação.


Em relação ao tempo de programa de cada um dos 6 candidatos, Axel Grael (PDT), que se aliou a outros 14 partidos (SDD, PT, Cidadania, PP, PL , Patriota, Avante, PV, MDB, PSB, PCB , PRTB, Rede e Pode), terá mais da metade dos dois tempos diários de dez minutos.


Deuler da Rocha (PSL), coligado ao Republicanos, terá aproximadamente dois minutos. Felipe Peixoto (PSD), que tem apoio do DEM, do PSDB e do PROS, ficará com o terceiro maior tempo na tevê.


Flavio Serafini (PSOL), terá cerca de 30 segundos. Já Juliana Benício (Novo) e Allan Pinho Lyra (PTC), aliado ao Podemos, terão que expor seus projetos de campanha em cerca de 10 segundos cada um.


Além dos blocos de 10 minutos veiculados à tarde e à noite, todas as emissoras de televisão terão que disponibilizar 70 minutos diários para inserções de propaganda política, de segunda a domingo, ao longo da programação. Esses horários serão ocupados também por candidatos a vereador.

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

1/3
300x250px - para veicular a partir do di
Leia também: