Cometa Leonard ficará ainda mais perto da Terra


O Natal deste ano foi marcado pela passagem do cometa Leonard - o mais brilhante a cruzar os céus do mundo em 2021. Com uma cauda que pode medir até cerca de 15 milhões de quilômetros, o C/2021 A1, como foi classificado pelos cientistas, continua visível no Brasil e em vários países. Para observadores amadores, é possível usar aplicativos de localização que apontam as coordenadas exatas do fenômeno no céu e as horas mais propícias para a observação. Fotógrafos brasileiros conseguiram captar algumas imagens.

Cometa Leonard registrado em Cajazeiras, PB / Imagem: Caio Fábio Correia

Foto de Marcello Cavalcanti, tirada no Mirante Dona Marta, com o cometa e o Cristo Redentor/ Instagram do autor

Com magnitude de luminosidade estimada em 2,5, o Leonard foi descoberto em 2021 pelo astrônomo Gregory J. Leonard e estará no ponto mais próximo da Terra no dia 3 de janeiro de 2022, segundo informa a agência aeroespacial norte-americana Nasa. Após o ápice, Leonard se afastará lentamente e só poderá ser visto nos céus a partir da Terra daqui 80 mil anos.


Veja imagens do cometa Leonard feitas pela sonda orbital solar da Nasa:



Ganhe_Ate_300x250px.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
Aumentou_728x90px.gif