top of page

COP-28: Axel destaca papel das cidades contra mudanças climáticas

O prefeito de Niterói, Axel Grael, deu início nesta sexta-feira (1/12) à sua participação na 28ª Conferência da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre Mudanças Climáticas, a COP-28, que reúne representantes de 200 países em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos. Além do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o Brasil conta com a participação de ministros, governadores, prefeitos e parlamentares, além de membros da sociedade civil.

Foto: Flávia Abranches / Divulgação / Prefeitura de Niterói

No Pavilhão Brasil, Axel Grael participou nesta sexta-feira de dois painéis em que discutiu a importância dos municípios para as estratégias globais de combate às mudanças climáticas.


"Seca em rios da Amazônia e enchentes no Sul são apenas algumas demonstrações da urgência das ações e da consequente importância desta COP, em que os municípios deverão ser reconhecidos como protagonistas nas decisões e iniciativas. A maior parte das emissões de gases está nas cidades, que também devem investir em resiliência. Precisamos pensar e agir em todos os níveis. É preciso atuar local, regional, nacional e globalmente", disse Axel Grael, que é vice-presidente de ODS da Frente Nacional de Prefeitos e Prefeitas, além de presidente da Comissão Permanente de Cidades Atingidas ou Sujeitas a Desastres Climáticos.


Durante o painel, Axel Grael leu uma carta da Frente Nacional de Prefeitos defendendo a importância da atuação dos governantes locais como chave para uma economia de baixo carbono, justa e inclusiva. A FNP reúne todas as capitais e cidades com mais de 80 mil habitantes, representa 61% da população brasileira e 74% do Produto Interno Bruto nacional.


Axel Grael também falou sobre as iniciativas de Niterói.


"Nossa cidade tem ampla experiência em política pública climática, que inclui um expressivo investimento (R$1 bilhão em 10 anos) em contenção de encostas, implantação de 80 km de ciclovias, um programa de premiação na comunidade do Caramujo para quem alcança metas climáticas, além de certificação de empresas 'amigas do clima', entre outras ações", disse Grael lembrando que uma lei municipal fez com que a cidade tenha hoje 56% de seu território protegido por unidades de conservação.


Também participam da COP28 secretário municipal do Clima, Luciano Paez; o secretário de Defesa Civil, Walace Medeiros, e a secretária do Escritório de Gestão de Projetos, Katherine Azevedo.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói

Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page