Em bicicletada, Flávio promete ciclovias mais seguras


Ao lado do vereador Paulo Eduardo e da vice Josiane, Flávio (máscara amarela) liderou a bicileata por ruas de Icaraí

Uma bicicletada em Icaraí foi a atividade de hoje do candidato a prefeito pelo PSOL, Flavio Serafini, e sua vice, Josiane Peçanha. Para os candidatos, que pedalaram pelas ruas do bairro em companhia de candidatos a vereador e militantes, uma cidade de direitos significa uma mobilidade urbana que garanta segurança para todos que nela transitam.

"Niterói é uma cidade extremamente favorável ao uso de bicicletas, mas é preciso ter compromisso: conscientizar motoristas, ciclistas e pedestres e construir ciclovias verdadeiramente seguras. Vamos Incorporar definitivamente as ciclovias no planejamento urbano. Com segurança", disse Serafini.

Participando da atividade, o vereador e líder do partido na Câmara Municipal, Paulo Eduardo Gomes, lembrou que já é tradição do PSOL fazer em suas campanhas esse passeio ciclístico pela cidade.

"Esta é uma atividade tradicional de campanha do PSOL com o objetivo de chamar atenção da população para a importância de termos uma mudança de cultura voltada para a mobilidade ativa. Hoje os principais problemas de trânsito que temos se devem ao uso privilegiado do automóvel. A população de Niterói pagou por três planos de mobilidade, construídos pelos sucessivos governos, e jamais aplicados. A Secretaria de Urbanismo afirma ter um novo plano, mas nunca houve uma audiência para que este fosse amplamente discutido com a população. As consultas públicas feitas não garantem o que determina o Estatuto das Cidades, foram limitadas e sem direito ao contraditório", afirmou o vereador.

Paulo Eduardo, que é candidato à reeleição, comentou ainda as iniciativas propostas na Câmara para beneficiar o transporte alternativo na cidade:

Nosso mandato tem acompanhado de perto e apoiado as demandas dos ciclistas. Anualmente elaboramos emendas à Lei Orçamentária Anual para prever medidas de incentivo e segurança ao uso da bicicleta. Temos cobrado também a realização de concurso para agentes de trânsito, em quantidade compatível com o volume de tráfego. Queremos uma cidade para pessoas, com transporte público acessível a todos e menos carros nas ruas."

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif