Enel em Niterói: a conta sobe e a luz apaga


Poucas horas depois de receberem, nesta terça-feira (10/3), a notícia de que a conta de luz vai ficar mais cara 2,48% a partir de domingo (15/3) em Niterói, moradores de, pelo menos, 21 localidades das regiões Norte, Sul e Oceânica da cidade foram surpreendidos com um apagão, que durou, pelo menos por uma hora.

Nas redes sociais, moradores registraram falta de luz, em localidades de Santa Rosa, São Francisco, Charitas, Jurujuba, Pendotiba, Largo da Batalha, Sapê, Maceió, Vila Progresso, Ititioca, Maria Paula, Caramujo, Engenhoca, Fonseca, Monan, Mata Paca, Cachoeira, Atalaia, Cantagalo, Viradouro e Santa Bárbara.

No Sapê, a energia foi interrompida às 22h e só voltou às 23h. Em outras áreas, a luz foi restabelecida somente antes de meia-noite.

A concessionária de energia Enel confirmou, em nota, a falta de energia das localidades, que foi, segundo a empresa, motivada por “uma falha na subestação Zona Sul”.

Luz mais cara – A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) aprovou na terça-feira o reajuste no preço da luz fornecida pela Enel a partir do dia 15 de março. A medida atingirá 2,6 milhões de unidades consumidoras em 66 municípios de atuação da concessionária, incluindo São Gonçalo. Para as unidades residenciais, o aumento na conta será de 2,48% e, para as industriais, 3,38%.

A agência também aprovou aumento de 5,98% para a Light, que fornece energia no Rio de Janeiro.

A justificativa para o reajuste foi a alta no dólar, pois as concessionárias usam energia gerada na Usina de Itaipu, paga em moeda norte-americana.

1/3
300x250px - para veicular a partir do di

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

Leia também: