top of page

Estado bate recorde de empresas abertas no primeiro semestre

A Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro (Jucerja) fechou o primeiro semestre de 2022 com um recorde histórico em seus 214 anos de existência: registrou a abertura de 34.665 empresas. O número representa um aumento de 9,8% em relação aos negócios abertos nos primeiros seis meses de 2021, quando foram registradas 31.582 novas empresas no estado.

Foto: Tomas Silva / Agência Brasil

A marca foi alcançada depois de mais um recorde histórico no mês de junho: 6.006 aberturas de empresas, número 5,3% maior que o do mesmo mês em 2021, que totalizou 5.699 novos negócios constituídos na Jucerja, vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais.


Os meses de janeiro (5.112), fevereiro (6.066), abril (5.209) e maio (6.442) também registraram os maiores recordes de todos os tempos na abertura de empresas. Já em março, a marca foi a segunda melhor da história: 5.809 negócios abertos. Os números foram atualizados de acordo com os processos que estavam em exigência na época em que foram divulgados.


"Seguimos na nossa meta de simplificar, desburocratizar, agilizar e modernizar a máquina pública, facilitando a vida dos empresários fluminenses. Tudo indica que chegaremos a um novo recorde histórico de aberturas de empresas no final deste ano, superando a marca de 2021", afirmou o presidente da Jucerja, Sérgio Romay, lembrando que no ano passado foram contabilizadas 72.894 constituições, melhor marca de todos os tempos.

Comentarios


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page