top of page
banners dengue balde niteroi 728x90 29 2 24.jpg

Estado vai contratar 4,7 mil professores temporários

O Governo do Estado do Rio de Janeiro poderá contratar até 15 mil professores - por tempo determinado - para suprir carências temporárias na rede estadual de ensino. A proposta foi aprovada, nesta quarta-feira (24/4), pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), em regime de urgência. Para reforço imediato nas salas de aula, a Secretaria de Educação fará processo seletivo para 4.700 profissionais.

"Trabalhamos para que essa aprovação acontecesse no menor prazo possível. Continuamos certos da força transformadora da educação no futuro dos nossos jovens. É fundamental ter a educação como pilar em nossas vidas. Reforçamos, mais uma vez, o nosso compromisso de valorizar os profissionais da pasta e atender as demandas dos estudantes", disse o governador Cláudio Castro, que estudou na rede estadual.


As contratações vão suprir carências temporárias, como licenças médicas, afastamento por estudo e outras. O reforço começará no segundo semestre.


"Essa é uma conquista muito importante para a educação pública no estado. As contratações não substituem os concursos e visam suprir faltas temporárias. Seguimos no nosso propósito de oferecer um ensino de qualidade aos alunos da nossa rede e, também, as melhores condições de trabalho aos nossos professores", destacou a secretária de Estado de Educação, Roberta Barreto.


Os professores contratados deverão atuar nas escolas da rede estadual, em diferentes modalidades do ensino básico, incluindo as que atendem aos estudantes indígenas e, ainda, as dos sistemas prisional e socioeducativo. Com a iniciativa, a rede estadual de ensino irá superar o número de 2 mil vagas abertas em 2023.


Fonte: Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

Opmerkingen


Chamada Sons da Rússia5.jpg
banners dengue balde niteroi 300x250 29 2 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page