top of page
banners dengue balde niteroi 728x90 29 2 24.jpg

Exército alerta moradores de Copa para danos com salva de canhão


(Foto: Wikimedia Commons)

Apesar de ser uma data de festejo, a comemoração dos 200 anos da independência do Brasil nesta quarta-feira (7) é motivo também de preocupação para pessoas que moram perto do Forte de Copacabana. Segundo o Comando Militar do Leste (CML), o bicentenário da independência contará com disparo de tiros de canhão, e alerta que moradores podem ter suas janelas quebradas.


De acordo com o Globo, o CML enviou nesta terça-feira (6) um comunicado aos prédios vizinhos do forte para que deixem suas janelas abertas a fim de evitar "possíveis danos e fissuras" com os disparos da salva de tiros programada para o evento.


"Haverá a realização de salva de tiros de artilharia no Forte de Copacabana de hora em hora, a partir das 8h00 da manhã. Às 16h00, a última salva terá 21 tiros. Sugerimos que as janelas voltadas para o Forte estejam abertas durante os disparos, a fim de evitar possíveis danos, tais como quebra ou fissura dos vidros", disse o comunicado.


O desfile no Distrito Federal contará com mais de 5.700 pessoas desfilando a pé, em viaturas ou a cavalo. A convite do presidente Jair Bolsonaro (PL), tratores de empresários do agronegócio apoiadores de sua reeleição também estarão presentes no desfile, agora chamado de "tratociata" de Bolsonaro.


No Rio de Janeiro, a partir de 13h, está planejado pelo CML a cerimônia comemorativa do bicentenário da independência na Avenida Atlântica, em Copacabana, Zona Sul da cidade.


Vídeos: paraquedistas caem e ficam feridos em Copacabana

Nesta terça-feira, três paraquedistas, que treinavam para a celebração do 7 de Setembro em Copacabana, caíram e, pelo menos dois deles, tiveram graves ferimentos.


Planejado para pousar na praia, o vento acabou levando os paraquedistas para dentro do bairro. Um deles caiu em cima de um caminhão, outro ficou preso em uma árvore e um terceiro caiu na rua, sendo socorrido por transeuntes.


Uma das vítimas é o suboficial da Aeronáutica, Roberto Pereira, de 40 anos, que embarcou em uma ambulância do Exército. Não há informações sobre o seu estado de saúde, segundo o G1.


Izaquiel Luiz, de 35 anos, foi levado para o Hospital Miguel Couto, no Leblon. Segundo a direção da unidade, o militar apresenta quadro de saúde estável.


Vários vídeos circulam nas redes sociais registrando as quedas. Num deles, o vereador do Rio Chico Alencar (PSOL) chamou atenção para "os delírios golpistas de Bolsonaro".


"Três paraquedistas ficaram feridos, um em estado grave, ao realizarem nesta terça um treinamento para o 7 de Setembro em Copacabana. Eles deveriam pousar na praia, mas o vento os levou para dentro do bairro. Os delírios golpistas de Bolsonaro fazendo vítimas, infelizmente", escreveu o parlamentar.

Noutro vídeo, internauta comentou, incrédulo, sobre o paraquedista que ficou preso nos galhos da árvore. "Não estou dando conta que o outro paraquedista ficou preso na árvore por Deus".


コメント


Chamada Sons da Rússia5.jpg
banners dengue balde niteroi 300x250 29 2 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page