Ex-ministro atropela moto de entregador e se passa por vítima


(Reprodução)

Após sair de uma palestra na ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing) na Zona Sul de São Paulo na noite de quinta-feira (1°), o ex-ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, atropelou e derrubou a moto de um entregador ao fugir de pessoas protestando em volta de seu carro.


Como é possível ver no vídeo, o motociclista estava ao lado da moto e quase foi atingido, enquanto Salles não parou para prestar socorro.

Nesta manhã (2), o ex-ministro postou uma foto como se seu vidro tivesse sido quebrado durante a passagem pelo protesto.


No entanto, nas filmagens, é possível perceber que o carro saiu da universidade intacto.


De acordo com o G1, os manifestantes da bateria da ESPM protestavam contra a presença de Salles na universidade uma vez que o ex-chefe da pasta do Meio Ambiente está em campanha política como candidato a deputado.


"Não concordamos com a propaganda política exercida dentro das áreas da faculdade, e muito menos com a presença de um político que promove tópicos de devastação, degradação e exclusão - não só ambientais, como sociais", diz a nota da bateria citada pela mídia.


Ex-ministro investigado

No ano passado, o ex-ministro da ala ideológica radical aliada ao presidente Jair Bolsonaro (PL) pediu demissão do governo após se tornar alvo de inquérito, autorizado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), por ter tentado obstruir investigações sobre apreensão de madeiras extraídas ilegalmente da Floresta Amazônica.


O ex-ministro também é alvo de outro inquérito, que apura suposta prática de crimes com o objetivo de dificultar a fiscalização ambiental e impedir investigação que envolva organização criminosa, além de suposto crime de advocacia administrativa.

300x250_QuatroRodas.gif
728x90_PorqueArCondicionado.gif