FAB transportou garimpeiros para reunião com Salles no DF


No início deste mês, o Ibama solicitou aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) para apoiar uma operação de combate a garimpos ilegais nas terras indígenas Munduruku e Sai Cinza, em Jacareacanga, no extremo sudoeste do Pará. A operação foi suspensa pelo Ministério da Defesa, mas no dia 6 agosto, a FAB enviou uma aeronave à região para o transporte de lideranças indígenas até Brasília, onde teriam uma reunião com o Ministro Ricardo Salles. Os índios, porém, afirmam que a caravana era formada, na verdade, por representantes dos garimpeiros.

O Ministério Público Federal no Pará (MPF-PA) instaurou inquérito para apurar o caso.


“Verificam-se fortes indícios de desvio de finalidade na utilização de aeronaves da Força Aérea Brasileira, as quais, a princípio, deveriam ser destinadas para efetividade da Operação Verde Brasil 2 no combate à mineração ilegal”, diz o procurador Paulo de Tarso Moreira Oliveira, em despacho para instauração de investigação.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg