top of page

Faetec e Le Cordon Bleu oferecem bolsas integrais para gastronomia

Terminam neste domingo (4/12) as inscrições para o processo seletivo de um dos cursos mais procurados na Faetec (Fundação de Apoio à Escola Técnica): o de Educação Profissionalizante Cordontec, ministrado no Instituto Le Cordon Bleu em parceria com a Faetec. Desta vez, serão distribuídas 44 bolsas, quatro a mais que em 2021, já para o primeiro semestre letivo de 2023. As inscrições vão até este domingo (4/12) e devem ser feitas, exclusivamente, pelo site da banca organizadora.

Divulgação

O concurso contará com duas fases divididas em quatro etapas, todas com critérios classificatório e eliminatório. A primeira fase será a aplicação de uma prova objetiva de Matemática e Português. Nesta etapa, serão chamados até 300 candidatos. E, no segundo momento, apresentação e envio online dos documentos digitalizados.

Já na segunda fase, realizada pela Escola Le Cordon Bleu, contará na primeira etapa com uma apresentação por meio de vídeo gravado em câmera digital e postado pelos 300 aprovados. A segunda etapa será uma entrevista presencial com os 100 candidatos aprovados nas etapas um e dois do certame.

A taxa de inscrição é no valor de R$52,12 e o pagamento será por meio de boleto bancário. Dúvidas podem ser encaminhadas pelo e-mail: contato@legalleconcursos.com.br.

O total de vagas será dividido em duas turmas, que irão estudar de segunda a sexta-feira, das 13h às 17h, na sede do renomado Instituto de gastronomia, situado à Rua da Passagem, número 179, Botafogo, Rio de Janeiro.

Divulgação

Para efetivar a inscrição, o candidato deverá cumprir alguns requisitos: precisa ter 18 anos completos até a data da matrícula; possuir identidade e CPF; ter concluído o ensino médio até a data da matrícula; ter renda familiar de até quatro salários mínimos. O candidato poderá ter apenas uma única inscrição, a qual estará associada ao seu CPF.

Para o presidente da Faetec, Iranildo Campos, um estado turístico como o Rio de Janeiro vai demandar profissionais qualificados e bem formados.

“Somos um estado vocacionado ao turismo e a gastronomia faz parte dessa engrenagem. Poder oferecer oportunidade como essa é contribuir diretamente para o desenvolvimento de todo o estado, além de realizar o sonho de muitos estudantes que de outra forma não teriam condições de custear um curso tão sofisticado numa das mais renomadas escolas de gastronomia do mundo”, disse Iranildo Campos.

Lembrando que é de inteira responsabilidade do candidato a leitura do edital em sua integralidade, além é claro, acompanhar todas as informações disponíveis sobre sua inscrição, convocação e prova.

Durante a formação, os alunos vão adquirir habilidades e os conhecimentos necessários para que possam desenvolver profissionalmente competências tanto na cozinha quanto na confeitaria.


Fonte: Núcleo de Imprensa do Governo do Estado do Rio de Janeiro

300x250px.gif
728x90px.gif