Fake news: PF cumpre 29 mandados por ordem do Supremo


Ministros do Supremo foram alvos de fakenews de aliados do presidente Jair Bolsonaro (Agência Brasil)

A Polícia Federal (PF) cumpre, na manhã desta quarta-feira (27), 29 mandados de busca e apreensão no inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre disseminação de fake news. As ordens judiciais, determinadas no âmbito do inquérito presidido pelo ministro Alexandre de Moraes, estão sendo cumpridas no Rio de Janeiro, Distrito Federal, São Paulo, Paraná, Santa Catarina e no Mato Grosso.

O inquérito foi aberto no ano passado pelo presidente do Supremo, ministro Dias Toffoli, com o objetivo de apurar ofensas e ameaças que "atingem a honorabilidade e a segurança do Supremo Tribunal Federal, de seus membros e familiares".

Os principais alvos do inquérito são deputados bolsonaristas e outros aliados do presidente.

O inquérito foi aberto por meio de portaria do STF, e não a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), como é de praxe. A relatoria do inquérito ficou com o ministro Alexandre de Moraes, por designação de Dias Toffoli.

1/3
300x250px - para veicular a partir do di

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

Leia também: