Fiocruz: variante brasileira tem carga viral 10 vezes maior


SARS-VoV-2 (Sa Li/Universidade de Tsinghua-China)

Pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) fizeram um estudo que aponta que adultos infectados pela variante P.1 do novo coronavírus, identificada primeiro no Amazonas, têm uma carga viral dez vezes maior do que adultos infectados por outras cepas do SARS-CoV-2. Desta forma contribui para que a variante se espalhe ainda mais rápido.

O estudo, liderado pelo pesquisador da Fiocruz Amazonas, Felipe Naveca, foi divulgado on-line neste sábado (27), mas ainda não foi publicado em revista científica.

"A primeira onda foi dominada pela linhagem B.1.195. Aos poucos ela vai sendo substituída pela B.1.1.28, que era muito frequente no Brasil como um todo em 2020. Então, em dezembro surge a famigerada P.1, uma variante de preocupação (VOC), que rapidamente dominou a epidemia no Amazonas", publicou Tiago Gräf, um dos autores do estudo, no Twitter.

"[Se] a pessoa tem mais carga viral nas vias aéreas superiores, a tendência é que ela vai estar expelindo mais vírus – e, se ela está expelindo mais vírus, a chance de uma pessoa se infectar próxima a ela é maior", explica o líder do estudo.

Os pesquisadores também notaram que esse maior número de vírus não ocorre nos homens idosos, havendo uma possível explicação no fato de a resposta imune de homens com 60 anos ou mais tende a não ser tão eficiente de uma forma geral.

A amostragem cobriu o primeiro pico da doença, em abril, e o segundo, no final do ano passado e início de 2021.

Apesar de ter surgido no Amazonas, ao menos outros 18 estados já detectaram infecções pela variante, entre os quais o Rio de Janeiro. Os últimos a informarem que detectaram a nova cepa foram Mato Grosso e Maranhão.

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

Leia também:

Editor Responsável: Luiz Augusto Erthal.

Redação e Comercial: Rua Santa Clara, 32, Ponta d'Areia, Niterói, RJ

CEP 24040-050 | (21) 2618-2972 | jornaltodapalavra@gmail.com

Os conceitos emitidos nas matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. As colaborações, eventuais ou regulares, são feitas em caráter voluntário e aceitas pelo jornal sem qualquer compromisso trabalhista. © 2016 Mídia Express Comunicação.

A equipe

Editor Executivo: Luiz Augusto Erthal. Editor Rio: Vanderlei Borges. Editor Niterói: José Messias Xavier. Editores Assistentes: Apio Gomes e Osvaldo Maneschy. Editor de Arte: Augusto Erthal. Financeiro: Márcia Queiroz Erthal. Circulação, Divulgação e logística: Ernesto Guadalupe.

Uma publicação de Mídia Express 
Comunicação e Comércio Ltda.
Rua Santa Clara, 32, Ponta d’Areia, Niterói, Est. do Rio,

Cep 24040-050. 
Tel.: (21) 2618-297

jornaltodapalavra@gmail.com

  • contact_email_red-128
  • Facebook - White Circle
  • Twitter - White Circle