top of page

Fofão assume sub-17; 1ª mulher a comandar seleção de vôlei


A Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) anunciou nesta sexta-feira (17) que a ex-jogadora Fofão assumirá o comando da seleção sub-17 feminina, que disputa em 2023 o Sul-Americano da categoria em busca de uma vaga no Mundial de 2023. A medalhista olímpica faz história com este feito, pois é a primeira mulher a assumir o comando de uma seleção brasileira de voleibol.

“Tive identificação imediata com o desafio apresentado pela CBV. Estou no momento certo da minha carreira para aceitar esse cargo. Essa categoria é a porta de entrada para o universo das seleções brasileiras e posso ajudar no desenvolvimento e na formação das novas gerações. É importante termos cada vez mais mulheres nas comissões técnicas”, declarou a ex-jogadora, que, defendendo o Brasil, conquistou três medalhas olímpicas: um ouro, em Pequim (2008), e dois bronzes, em Atlanta (1996) e em Sydney (2000).


Aos 52 anos de idade, Fofão assume o comando da seleção sub-17 com a missão de desenvolver novas atletas. “A escolha da campeã olímpica dá continuidade à iniciativa da Confederação Brasileira de Voleibol de ter mais mulheres em postos de comando nas seleções brasileiras. Em 2022, pela primeira vez mulheres integraram as comissões técnicas de seleções nacionais”, diz a CBV em nota divulgada por sua assessoria de imprensa.


“A categoria sub-17 foi recriada pela Federação Internacional, e teremos dois treinadores de muita capacidade no comando dessa categoria tão importante para o desenvolvimento de uma nova geração. Fofão é uma referência no esporte e, como primeira mulher à frente de uma seleção brasileira, será inspiração além das quadras”, afirmou o diretor técnico da CBV, Jorge Bichara.

Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page