Furtos de cabos deixam 30 mil sem luz no estado do Rio


Foto: Reprodução

A concessionária de enegeria Light fez um levantamento que revelou o número de delitos em sua área de concessão. Em menos de quatro anos, os furtos saltaram de 18 para 332. No total, 31 municípios do estado do Rio também são prejudicados pelo crime.


Segundo levantamento da empresa, até agosto deste ano, 29.026 pessoas ficaram sem lus. Os furtos de cabos e fios, são um problema recorrente no estado e cidades vizinhas.


Um levantamento feito pela SuperVia, que administra o trem do Rio, mostrou que nos meses de janeiro e fevereiro deste ano, houve um aumento de 268%, em relação a 2021.


O prejuízo mensal da RioLuz se aproximo de R$ 250 mil reais, por extravios de cabos e luminárias na cidade. O que a empresa tem feito é dificultar e coibir essas ações com instalação de caixas gradeadas, o que protege as luminárias e tende a inibir o meliante.


De acordo com a Lei, os ferros-velhos precisão de um Registro de Autorização de Funcionamento (RAF), também está previsto que ocorra declaração de onde o material foi comprado e qual foi o seu destino.


A partir de setembro, pontos flagrados sem o RAF pagarão multa e podem ser interditados.

300x250_QuatroRodas.gif
728x90_PorqueArCondicionado.gif
Toda Palavra 076 - p 4-5.jpg

Leia a versão digital da edição impressa do TP