top of page

Golpe do falso consignado: seis mulheres são presas em SG



Foto: Divulgação

Uma operação da Polícia Civil levou para a prisão seis mulheres acusadas de envolvimento em um esquema de estelionato em São Gonçalo. As prisões foram realizadas na última terça-feira (20/12), por agentes da 73ª DP (Neves).


De acordo com as denúncias, o grupo oferecia empréstimos consignados falsos a pessoas idosas por telefone. Grande parte das vítimas era composta por aposentados e pensionistas de outros estados, que eram induzidos ao erro durante a contratação do serviço fraudulento.


Em seguida, as vítimas eram instruídas a transferir valores para a conta bancária das acusadas. Eles acreditavam estar realizando alguma forma de pagamento para cancelamento do contrato. Segundo as informações da polícia, a ação movimentava cerca de R$ 1,5 mi por semana. O grupo agia em uma espécie de “central telefônica” que funcionava no quinto andar do Centro Empresarial conhecido como Prédio 1000, na rua Coronel Serrado, no Zé Garoto.


Os policiais da 73ª DP foram até o local para apurar o esquema, que já estava sendo investigado há algum tempo pelo núcleo antifraude e antilavagem de dinheiro da unidade, a única delegacia do município com um núcleo dedicado a crimes do tipo. Chegando ao local, os agentes encontraram a "central" da associação criminosa em pleno funcionamento.


Além das prisões, ação também apreendeu computadores, telefones e cadernos com informações das vítimas. O material foi levado para a Delegacia.

300x250px.gif
728x90px.gif