IBGE: 10 milhões abandonaram isolamento rigoroso


O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta sexta-feira (11) os dados da nova pesquisa Pnad COVID-19, que busca identificar os efeitos da pandemia no mercado de trabalho e na saúde dos brasileiros.

Segundo o levantamento, aproximadamente dez milhões de brasileiros deixaram o isolamento rigoroso em meio à pandemia do coronavírus entre o início de julho e a terceira semana de agosto.

Os brasileiros que diziam estar rigorosamente isolados somavam 41,6 milhões na semana de 16 a 22 de agosto, comparados a 51,3 milhões na semana de 5 a 11 de julho, uma redução de 9,7 milhões de pessoas.

Somente entre a segunda e a terceira semana de agosto, o número de pessoas em isolamento rigoroso por conta da Covid-19 passou de 44,4 milhões para 41,6 milhões, queda de 2,8 milhões.

Ainda na terceira semana de agosto, 87,6 milhões de pessoas diziam ficar em casa e só sair em caso de necessidade, contra 86,4 milhões na semana anterior.

Outros 76,4 milhões dizem que reduziram contato, mas continuam saindo de casa ou recebendo visitas, comparado a 74,5 milhões na segunda semana de agosto.

Já 4,5 milhões dos brasileiros dizem não fazer nenhuma restrição, número estável em relação à semana anterior.

1/3
300x250px - para veicular a partir do di

 Conheça a nova Scooter Elétrica

Não precisa de CNH, sem placa e sem IPVA

Leia também: