Incêndios na Chapada Diamantina têm indícios de crime


(Imagem TV/Reprodução)

O governo da Bahia decretou nesta sexta-feira (9) situação de emergência em 73 municípios devido aos incêndios que avançam no estado e agora ameaçam a região turística da Chapada Diamantina. De acordo com os bombeiros, há indícios de crime nos incêndios, que começaram às margens de uma rodovia estadual e se propagaram para o Parque Municipal da Rota das Cachoeiras e para a Chapada Diamantina.

Desde a última terça-feira (6), bombeiros, brigadistas e voluntários trabalham no combate às chamas, que avançam sobre áreas do Parque Municipal da Rota das Cachoeiras e do Parque Nacional da Chapada Diamantina.

"Tem mais de cem pessoas entre voluntários, brigadistas. A gente está tentando combater o fogo, mas os focos retornam", disse uma voluntária.

O território queimado fica dentro de uma área de preservação ambiental (APA) que estava conservada há 20 anos.

Os fortes ventos e o tempo seco dificultam o trabalho de combate aos incêndios, que voltam a arder em locais onde o fogo já tinha sido controlado. Mais três aviões chegaram hoje (9) à região para ajudar na luta contra as chamas.

A Bahia tem registrado vários focos de queimadas nos últimos dias, principalmente nas regiões oeste e sudoeste, onde o clima está bastante seco e quente. A previsão deste final de semana é de chuva para toda a Chapada Diamantina, o que deve ajudar no combate ao fogo.


1/3
300x250px.gif