top of page
banners dengue balde niteroi 728x90 29 2 24.jpg

Inteligência Artificial auxilia Cisp no combate ao crime

Os agentes de tecnologia e da inteligência do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), estão treinando o software sistema de Cercamento Eletrônico do órgão, para ampliar suas funções e aumentar a percepção das câmeras, para ajudar no combate ao crime. As 120 câmeras de cercamento, já são capazes de reconhecer fragmentos de placas, letras e números. Agora, os agentes estão ensinando os robôs a reconhecerem cores. Os testes estão sendo feitos e o serviço entrará em operação em breve. O Centro conta ainda com 522 dispositivos e 10 portais de segurança nas entradas e saídas que monitoram a cidade 24 horas.

Graças ao sistema de Cercamento eletrônico, mais de 410 veículos envolvidos em crimes ou clonados foram recuperados desde 2019 com a implantação das câmeras Inteligentes, sendo em ações em tempo real, com aviso às forças de segurança, que fazem o cerco e efetuam a prisão, ou através de ação de monitoramento de quadrilhas ou envolvidos em crimes para posterior prisão. Essas câmeras são capazes de captar em segundos a placa de um veículo ou fragmentos que estejam envolvidos em algum tipo de ocorrência.


As câmeras contam com um software de análise de inteligência e reconhecimento de placas, e são colocadas em pontos específicos da cidade, ampliando a eficiência em áreas limítrofes da cidade o que auxilia as forças de segurança na recuperação de veículos clonados ou mesmo que tenham sido roubados naquele momento, coordenando as ações integradas de prevenção de fluxo de automóveis e suspeitos.


Desde 2015, o Centro Integrado de Segurança Pública ajudou na investigação e elucidação de crimes que também levaram à prisão de criminosos, presos em ações orientadas pelos guardas municipais que atuam no local. Foram mais de 3.700 exportações de imagens para as delegacias e tribunais de Justiça, com auxílio também do setor de inteligência do órgão.


O trabalho do Cisp já se tornou uma referência, sendo procurado por integrantes das áreas de segurança de outros estados e municípios que visitam Niterói para conhecer os serviços oferecidos no local.


“O Cisp está integrado às principais forças de segurança do Brasil. Registramos ações bem sucedidas com a Polícia Rodoviária Federal e Polícia Federal, apoiando esses órgãos em casos de veículos que vinham transportando drogas de outros estados. Vamos continuar trabalhando para servir com excelência a população de Niterói, agregando novas tecnologias, novos profissionais e trazendo mais agências para fazer parte dessa integração de sucesso. A visita desses pesquisadores e a colaboração que poderemos dar para o trabalho que irão realizar, sem sombra de dúvida será um grande enriquecimento para todos, além do fato de que uma base da pesquisa será através de uma análise comportamental diante de ações policiais que são conduzidas pelo CISP”, explicou o inspetor Nilson Cunha, diretor do Centro Integrado de Segurança Pública.


Em junho deste ano mais um avanço foi conquistado. O ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, a prefeitura de Niterói e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) assinaram um acordo de cooperação do Centro Integrado de Segurança Pública de Niterói no combate ao crime e à prevenção da violência.


Com o convênio, os guardas municipais de Niterói participam através do protocolo que está sendo desenvolvido de cursos da Polícia Rodoviária Federal, nas áreas de abordagem, abordagem de trânsito e direção defensiva; e o Centro Integrado de Segurança Pública da Prefeitura de Niterói (Cisp) vai ter um rádio da PRF para que os agentes possam acionar os policiais diretamente. Em contrapartida, a PRF terá acesso, em tempo real, às imagens do cercamento eletrônico da Prefeitura, em especial às câmeras dos acessos à Ponte Rio-Niterói.


Já foram mais de 250 mil chamados pelo telefone 153, em diversas áreas, nos últimos sete anos. No espaço da Prefeitura de Niterói, trabalham de forma integrada as forças de segurança estaduais, federais e municipais, além do Corpo de Bombeiros, NitTrans e Defesa Civil. O CISP integra as forças de segurança estaduais, federais e municipais, além do Corpo de Bombeiros, NitTrans e Defesa Civil e proporcionou a maior redução de criminalidade que já havia sido registrada na cidade nos últimos 20 anos, chegando a reduzir em mais de 80% alguns indicadores como furtos, roubo de veículos, letalidade violenta, entre outros.


O Cisp conta ainda com agentes da Polícia Militar e do Programa Segurança Presente que auxiliam os Guardas Municipais no acionamento dos agentes de segurança mais próximos. E prepara a ampliação do uso de tecnologia de ponta (Projeto CISP 2.0), com aperfeiçoamento do software, visando a modernização do Centro para os próximos 10 anos. O CISP recebe denúncias e informações através dos números 153 (telefone) e (21) 98450-0153 (WhatsApp).


O órgão também recebe, na área de delitos, denúncias ou comunicados de roubos, furtos, clonagem de veículos, atitude suspeita, apoio, averiguação preventiva, estelionato, dentre outros. Para cada ação, denúncia ou comunicado, os operadores do Call Center orientam para o órgão responsável ou o setor de inteligência passa a rastrear a situação.


Graças a integração com as forças de Segurança o órgão proporcionou a maior redução de criminalidade que já havia sido registrada na cidade nos últimos 20 anos, chegando a reduzir em mais de 80% alguns indicadores como furtos, roubo de veículos, letalidade violenta, entre outros.


“O trabalho está sendo cada vez mais ampliado e gradativo. As 120 câmeras de cercamento, espalhadas por diversos bairros e que contam com o apoio dos 522 dispositivos de segurança conseguem identificar fragmentos de placas e conseguimos com isso ações em tempo real ou investigativas, agora, com o treinamento da tecnologia e de nossa inteligência estamos mostrando ao software que ele pode identificar cores, o que irá melhorar ainda mais a capacidade de identificação de envolvidos em delitos”, explicou Nilson Cunha.


Cercamento eletrônico do Cisp identificou mais um veículo esta semana e ajudou na prisão de suspeito de roubo


Em mais uma ação conjunta com as forças de segurança, o Centro Integrado de Segurança Pública de Niterói (Cisp) identificou um veículo, por meio do cercamento eletrônico, que havia participado de um roubo a residência na Região Oceânica. O carro foi recuperado e o suspeito preso. Disponibilizado pela Prefeitura de Niterói para auxiliar as forças de segurança, o Centro Integrado de Segurança Pública já ajudou na elucidação de mais de 3.700 casos e mais de 412 veículos roubados ou clonados foram recuperados. Os agentes estão trabalhando para que placas possam ser identificadas.


A ação integrada que recuperou o veículo aconteceu no final da tarde desta segunda-feira (4/12). Policiais Civis da 81ª DP (Itaipu) compartilharam informações com a Agência de Inteligência do Centro Integrado de Segurança Pública (AICISP) a respeito de um roubo à residência ocorrido na madrugada deste mesmo dia.


Os agentes do CISP identificaram o veículo, e, através do cercamento eletrônico, o localizaram trafegando próximo à Praia das Flechas. Após contato com equipes da Polícia Militar, o CISP orientou o cerco tático que culminou na abordagem do veículo por uma equipe do 12º BPM. O condutor foi conduzido à delegacia de Itaipu, onde confessou participação no crime. No interior do veículo foram encontrados objetos roubados da residência. Ele foi preso e encontra-se à disposição da Justiça. O veículo foi apreendido. A Polícia Civil segue investigando o caso.


As ações fazem parte da estratégia do Pacto Niterói Contra a Violência, política pública de segurança do município e que conta com 18 projetos nos eixos de Prevenção, Policiamento e Justiça, Convivência e Engajamento dos Cidadãos e Ação Territorial Integrada.


As principais ações da Prefeitura de Niterói em apoio à Segurança:


- Pacto Niterói Contra Violência - Com investimento total de R$ 304 milhões, o Pacto Niterói Contra Violência conta com 18 projetos nos eixos de Prevenção, Policiamento e Justiça, Convivência e Engajamento dos Cidadãos e Ação Territorial integrada. Niterói é o único município do Estado a contar com um programa integrado deste porte, atuando em diversas áreas para auxiliar os órgãos de segurança.


- Reestruturação da Guarda Municipal, com aumento de efetivo, valorização profissional e foco na qualificação


- Criação do Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp) em 2015


-Construção de Companhias Destacadas para Polícia Militar


- Inauguração da Delegacia de Homicídios de Niterói


- Construção da Cidade da Ordem Pública


- Criação do Observatório de Segurança


- Reforma de delegacias


- Estruturação do Cercamento Eletrônico, com 70 câmeras inteligentes espalhadas por locais estratégicos da cidade


- Ampliação do Proeis


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói


Chamada Sons da Rússia5.jpg
banners dengue balde niteroi 300x250 29 2 24.jpg
Divulgação venda livro darcy.png
bottom of page