Itália resgata quase 700 imigrantes no Mediterrâneo; 5 mortos


(Foto: Guarda Costeira)

A guarda costeira da Itália informou, neste domingo (24), que resgatou 674 imigrantes que tentavam entrar no país cruzando o Mar Mediterrâneo. Entre os resgatados, havia cinco mortos.

Os imigrantes faziam a travessia em um barco de pesca, no sudoeste do país, a cerca de 200 km da costa da região da Calábria, quando foram resgatados. Alguns estavam dentro da embarcação, outros foram resgatados na água.

No último sábado (23), outros 522 imigrantes foram resgatados em barcos na região de Lampedusa. Os barcos partiram da Líbia e da Tunísia. Os imigrantes resgatados eram provenientes do Afeganistão, Paquistão, Sudão, Etiópia e Somália, entre outras nacionalidades.

Após uma ligeira queda em 2021, a Itália observa um aumento no número de imigrantes que tentam entrar ilegalmente no país pelo Mediterrâneo. Este ano, mais de 34 mil requerentes de asilo chegaram ao país até o momento, uma alta em relação aos 25,5 mil registrados no mesmo período do ano passado.


Fonte: Agência Sputnik

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif