Juiz determina transferência de Cabral para Bangu 1


(Foto: Valter Campanato/Agência Brasil)

O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, voltará para o Complexo Prisional de Gericinó, na Zona Oeste do Rio. A transferência, da Unidade Prisional da Polícia Militar, em Niterói, foi determinada nesta terça-feira (3) pelo juiz Bruno Monteiro Rulière, no exercício da competência da Corregedoria do Sistema Prisional.

Cabral e outros cinco internos ficarão na Penitenciária Laércio da Costa Pelegrino, unidade de segurança máxima, conhecida como Bangu 1, onde deverão cumprir isolamento cautelar pelo prazo de 10 dias. O presídio, construído em 1987 para abrigar presos de alta periculosidade, é dividido em 48 celas distribuídas por quatro galerias.

Além de Cabral, serão levados a Bangu 1: o tenente-coronel Cláudio Luiz Oliveira e o tenente Daniel Benitez, policiais militares condenados pela morte da juíza Patrícia Acioli; o vereador e PM reformado Mauro Rogério Nascimento de Jesus, o Maurinho do Paiol; e os capitães Marcelo Baptista Ferreira e Marcelo Queiroz dos Anjos.

A medida foi tomada depois de terem sido encontradas irregularidades na unidade prisional da Polícia Militar. Nas inspeções da Vara de Execuções Penais, realizadas nos dias 24 de março e 27 de abril, foram apreendidos celulares, toalhas bordadas com nome de Cabral, cigarro eletrônico e TV com acesso à internet, além de notas fiscais indicando a compra de um banquete com comida árabe.


Ganhe_Ate_300x250px.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
Aumentou_728x90px.gif