Justiça condena Jordy a indenizar Felipe Neto


Foto: Câmara dos Deputados

O deputao federal bolsonarista Carlos Jordy (PSL-RJ) foi condenado pela justiça do Rio de Janeiro a pagar R$35 mil como indenização por danos morais ao youtuber Felipe Neto. A ação inclui também uma retratação pública. As informações são do colunista Guilherme Amado, do portal Metrópoles.


O influencer processou o deputado federal após a publicação de um tuíte no qual Jordy relaciona Felipe Neto com o atentado a uma escola de Suzano, em São Paulo, que aconteceu em 2019 e resultou em 10 mortes.


“Quando digo que pais não devem deixar os filhos assistirem a vídeos do Felipe Neto, não é brincadeira. Em 2016, ele fez vídeo ensinando a entrarem em sites da deepweb. Agora descobriram que os assassinos de Suzano pegaram as informações para o massacre num dos sites após assistirem ao vídeo”, publicou Jordy em abril de 2019.


De acordo com o jornalista Guilherme Amado, Carlos Jordy decidiu recorrer em segunda instância após alegar imunidade por ser deputado. No entanto, a condenação foi mantida por unanimidade. Segundo os juizes, a tese defendida por Jordy não apresentava sustentação jurídica.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg