Maricá é a cidade que mais gera empregos no Brasil

Maricá foi a cidade que apresentou os melhores resultados na geração de empregos formais em todo o Brasil em 2022, segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), órgão do Ministério da Economia. Nos seis primeiros meses do ano, o município registrou 7.390 admissões contra 5.069 desligamentos, com variação de 11,42% em relação ao estoque total de vagas.

Divulgação

No mesmo período, no estado do Rio de Janeiro a variação foi de apenas 0,69%; na região Sudeste chegou a 3,16%; e em todo país alcançou 3,28%.


“Esse resultado é fruto da prática da economia circular em Maricá. Nós incluímos no orçamento os mais pobres, transferindo renda à população que mais precisa, por meio da nossa moeda social Mumbuca. Assim, geramos segurança alimentar, mais vendas no comércio, o surgimento de mais micro e pequenas empresas e, por tabela, mais empregos, renda e aumento de vagas formais de trabalho”, destacou o prefeito Fabiano Horta (PT).


Em junho de 2022, foram gerados 1.453 novos empregos na cidade, que registrou 834 demissões, com saldo positivo de 619 e variação relativa de 2,81% - a maior de todo o Brasil em municípios com mais de 150 mil habitantes. O setor de serviços foi o que mais empregou, com 810 contratações, seguido pelo comércio, com 434 novos empregos.

Foto: Marcelo Casal Jr. / Agência Brasil

Carteira assinada


Os números positivos não se resumem a 2022: ainda segundo dados do Caged, Maricá foi o município do estado que mais gerou empregos com carteira assinada de janeiro de 2017 a novembro de 2020. Foram criados na cidade 6.592 novos empregos formais, representando um aumento de 52,5% na força de trabalho do município.


O secretário de Desenvolvimento Econômico de Maricá, Igor Sardinha, relatou que o resultado pode ser visto como fruto das ações que a prefeitura vem implantando.


“São ótimos resultados, oriundos das políticas públicas executadas pela administração municipal, de geração de demanda no comércio local e estímulo aos setores produtivos com a concessão de crédito facilitado”, celebrou.



300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif