Maricá e UFRJ assinam contrato para Plano de Segurança Hídrica


Foto: Divulgação

A Companhia de Saneamento de Maricá (Sanemar), assinou na quinta-feira (29/7), um contrato com a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) para a preparação de um plano de segurança hídrica para Maricá.


A assinatura aconteceu no gabinete do prefeito Fabiano Horta, com a participação da presidente da Sanemar, Rita Rocha, do coordenador do projeto e professor da UFRJ Paulo Canedo, do Diretor de Projetos da Sanemar, Henrique Frickman e com participação em videoconferência da Reitora da UFRJ, Denise Pires de Carvalho e a diretora da Escola Politécnica da universidade, Claudia Morgado.


Segundo o professor Canedo, o estudo, que terá seis meses de duração, consiste em encontrar dentro do próprio município possibilidades para o abastecimento de água, apontar obras de intervenção para revitalização dos rios Ubatiba e Badeco, e diminuir a aceleração de enchentes.


“Uma das estratégias desse estudo será a colocação de dispositivos hidráulicos, que de maneira inteligente, têm o objetivo de manter a água por mais tempo no leito do rio com o tempo suficiente para que haja a captação e distribuição dela. Além de procurar soluções como a construção de poços para captar água subterrânea”, explicou.


A questão hídrica do município é um desafio para a prefeitura de Maricá. Apesar de o leilão de parte dos serviços prestados pela Cedae, como a distribuição de água, estar agora com uma empresa privada, a Aegea, o prefeito Fabiano Horta frisou que o problema é de todos e o que o executivo fará o que puder fazer para contribuir no processo.


A conclusão do estudo de segurança hídrica feito pela UFRJ dará à Sanemar elementos para atuar de forma eficaz na fiscalização da atuação da empresa Aegea dentro do município. A concessão será oficializada no próximo mês com a assinatura do contrato entre a Aegea e o Governo do Estado.


A Reitora da UFRJ, Denise Pires de Carvalho destacou a importância da parceria. “Esse projeto de Maricá prospecta um horizonte para todo o estado do Rio de Janeiro. Precisamos cuidar da água e Maricá é o início de tudo,” finalizou a reitora.

300X350px_Negra.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg
728X90px (2).gif