top of page

Médico de Família da Ponta D`Areia é inaugurado depois de reforma

A Prefeitura de Niterói inaugurou, nesta terça-feira (11/7), as obras de mais uma unidade do Programa Médico de Família. Dessa vez, foi o PMF Vó Tereza, da Ponta D`Areia, que teve obras de reforma e ampliação concluídas. A unidade atende a cerca de 8 mil pessoas do bairro e do entorno. Durante as obras, os pacientes foram encaminhados para a Igreja Metodista Wesleyana, próxima ao local, que serviu de base para o atendimento do PMF.

Foto: Luciana Carneiro / Prefeitura de Niterói

O prefeito Axel Grael destacou que a reforma faz parte de um trabalho que visa cada vez mais excelência para as unidades de saúde de Niterói.


“As políticas públicas são como uma corrida sem limite de chegada. Quanto mais a gente faz, quanto mais a gente se esforça, mais a gente entrega, mais teremos para fazer. É essa vontade de melhorar que faz com que uma cidade como Niterói seja cada vez mais especial. Por isso, até o final dessa gestão, a gente vai ter novidades e obras de melhoria de muitas unidades hospitalares. Vamos continuar buscando o aperfeiçoamento da nossa estrutura de saúde”, disse Axel Grael.


O vice-prefeito, Paulo Bagueira, falou sobre o compromisso da gestão na entrega de equipamentos públicos de qualidade.


“É muito satisfatório quando a gente faz um esforço, faz um trabalho e tem não só o reconhecimento, mas a importância daquela entrega. O Médico de Família serve de referência de serviço público de entrega para a população que mais precisa. Porque todos nós precisamos de emprego, mas todos nós precisamos ter saúde para ter emprego e para fazer qualquer coisa na nossa vida. E hoje é mais uma demonstração de compromisso desse grupo político com a cidade de Niterói”, informou o vice-prefeito.


Durante a cerimônia, o prefeito assinou a ordem de início de reforma de mais cinco unidades de saúde do Programa Médico de Família: do Caramujo, do Engenho do Mato, da Ilha da Conceição e da Nova Brasília, além da Unidade Básica de Saúde do Morro do Estado.


A secretária municipal de Saúde, Anamaria Schneider, ressaltou que essa é apenas uma das entregas de obras previstas para esse ano.


“Estamos com muitas entregas do Niterói 450 Anos e essa é uma delas. Eu espero que até o final do ano a gente consiga entregar outros Médicos de Família reformulados, modernizados e em condições de bem atender a população. Essa não é apenas uma reforma física da estrutura que precisa ser feita eventualmente, mas uma mudança na tecnologia. As inovações e os avanços tecnológicos têm que ser incorporados no atendimento do dia a dia. E essa entrega hoje representa isso, uma unidade bonita, reformada, mas funcional e com equipe técnica preparada”, explicou a secretária.


Foto: Luciana Carneiro / Prefeitura de Niterói

Moradora da Ponta D’Areia, Virginia Maia, de 73 anos, é atendida no Médico de Família Vó Tereza desde que abriu.


“Estou encantada com essa reforma e com todos os equipamentos novos que a unidade recebeu. Tenho certeza de que será muito bom para quem mora no entorno”, disse Virgínia.


Celso Silva, de 65 anos, também é paciente da unidade desde que inaugurou.


“Vai melhorar tudo com a reforma, mas a unidade já me ajudou muito! Se não fosse o encaminhamento daqui do Médico de Família, eu jamais iria conseguir fazer a cirurgia de tendão que fiz na mão no início do ano”, informou Celso.


Além das obras, o local recebeu equipamentos de última geração e uma equipe completa para melhor atender à população. O PMF Vó Tereza conta com três equipes de Saúde da Família. Cada equipe é composta por profissionais de saúde que trabalham juntos para prover cuidados holísticos e preventivos à comunidade, abordando todas as faixas etárias e segmentos da população.


Há ainda uma equipe de Consultório na Rua ativa na unidade. Este é um importante recurso que busca atender populações em situação de rua, levando serviços de saúde a indivíduos que muitas vezes têm dificuldades em acessar cuidados tradicionais.


Melhorias na saúde


A Prefeitura de Niterói vem investindo em melhorias na Saúde, principalmente no Programa Médico de Família, desde 2013. A cobertura do programa nas áreas vulneráveis do município subiu de 59% para 83%. Niterói foi o primeiro município do Brasil a ter um Médico de Família, baseado na experiência cubana de medicina familiar.


O primeiro módulo foi inaugurado em 1992. Hoje, cerca de 200 mil usuários são cadastrados no PMF da cidade. Comparado ao ano de 2018, há um aumento de 50% no número de cadastros nos módulos.


A Prefeitura prevê a reforma de 70 unidades até 2024, com o aporte de R$ 260 milhões em reformas, ampliações e construção e mais R$ 40 milhões para renovação de equipamentos e mobiliários. O Programa Médico de Família receberá reformas em 30 unidades ao longo de três anos. Em 2022, seis reformas foram iniciadas, nos módulos do Médico de Família do Maravista, Ititioca, Ponta D’Areia, Badu e Bernardino.


As unidades do PMF do Baldeador, da Vila Ipiranga e da Ponta d`Areia foram entregues. Em 2023, serão iniciadas as obras no PMF do Engenho do Mato, Caramujo, Ilha da Conceição e Nova Brasília.


Fonte: Coordenadoria Geral de Comunicação da Prefeitura de Niterói


Comments


Divulgação venda livro darcy.png
Chamada Sons da Rússia5.jpg
bottom of page