Mulher com arma de brinquedo e tesoura é presa em agência do INSS em Niterói


Foto: Divulgação

Uma mulher foi presa após entrar na agência do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) do bairro de Fátima, na região central de Niterói, na manhã desta segunda-feira (24/5). Acompanhada de uma criança de 10 anos, ela estava com duas armas de brinquedo e uma tesoura.


Testemunhas afirmaram que ela é moradora do bairro Jurujuba, em Niterói, e tem 37 anos. Depois de passar normalmente pelos aparelhos de detecção de metal na porta da agência, a mulher se dirigiu ao banheiro da unidade. Uma outra cliente que estava no banheiro viu que ela estava com uma arma e alertou os seguranças. A Polícia Militar foi acionada em seguida.


Visivelmente alterada, a mulher dizia que queria conversar com um médico. Ela não explicou as razões pelas quais queria o atendimento. Para tentar acalmá-la, um funcionário da unidade fingiu ser um profissional de saúde e conversou com a mulher até a chegada da PM. Em um momento de distração, os seguranças conseguiram imobilizar a mulher e retirar a arma de sua mão.


Pouco tempo depois, policiais do 12ºBPM (Niterói) chegaram à unidade e constataram que a arma era de brinquedo. Na bolsa dela, ainda encontraram outro simulacro e também uma tesoura, que não foi detectada nos aparelhos da porta de entrada da agência. A mulher foi conduzida à 76ª DP (Niterói) e, posteriormente, à Delegacia da Polícia Federal, também em Niterói, onde ficou detida e o caso foi registrado .


Em nota, a Polícia Federal informou que a mulher foi encaminhada para um hospital.


"Após [o registro da ocorrência na 76ª DP], [a mulher] foi encaminhada à Delegacia da Polícia Federal em Niterói, onde compareceram familiares e o pai da menor, confirmando a informação de que ela não era a mãe. Informaram também que a mulher faz uso de medicação contínua. Após os procedimentos policiais, ela foi encaminhada a um hospital para atendimento. Ninguém ficou ferido no ocorrido."


Através de nota, o INSS afirmou que o atendimento foi normalizado após a chegada das autoridades.


“O INSS esclarece que uma cidadã entrou na APS do Bairro de Fátima acompanhada de um menor, não se tratando de parente, e que a mesma portava uma arma. As autoridades competentes foram acionadas, a arma era de brinquedo e a mesma encontra-se detida. A agência retornou em seguida ao atendimento normal”, diz o texto.

Toda Palavra_Banner_300x250_Celular.gif
1/3
NIT_728x90-03.gif
NIT_300x250-01.jpg