Mundo ultrapassa 5 milhões de mortes por covid


(Marcello Casal Jr/Agência Brasil)

Após quase dois anos de pandemia, com avanço da vacinação, o mundo passou dos 5 milhões de vítimas da covid-19. A marca foi atingida 117 dias depois do registro de 4 milhões de mortes, segundo dados do mapa do coronavírus da Universidade Johns Hopkins.

Ao todo, mais de 246 milhões de pessoas foram infectadas pela doença durante a pandemia. De acordo com dados do mapa, já foram aplicados 7 bilhões de doses vacinas contra o coronavírus em todo o mundo.

Na última semana, o número de óbitos voltou a aumentar 5% globalmente, segundo o mais recente relatório da Organização Mundial de Saúde (OMS). Europa, com 14% mais mortes, e Ásia, com 13% mais, foram os continentes mais afetados no mesmo período.

A situação do Brasil neste momento é muito melhor do que quando o mundo tinha 4 milhões de mortes pela doença. Na época, o país tinha a pior média mundial de óbitos.

Atualmente, o Brasil tem média de 311 mortes por dia, enquanto os EUA lideram, com 1.332, seguido da Rússia, com 1.104, e da Índia, com 532 mortes diárias.

Estados Unidos e Brasil continuam encabeçando o ranking de vidas perdidas desde o início da pandemia - 745.838 e 607.824, respectivamente.


300x250px.gif
728x90px.gif